quarta-feira, 11 de maio de 2011

* Após decisão do STF, CNBB diz em nota que não reconhece união gay.

        A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou nesta quarta-feira (11) uma nota oficial sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que reconheceu, por unanimidade, na última quinta-feira (05), a união estável entre casais do mesmo sexo como entidade familiar. A CNBB afirma não concordar que essas uniões estáveis sejam “equiparadas à família”. A instituição, porém, diz repudiar todo tipo de discriminação contra pessoas que “sentem atração sexual exclusiva ou predominante pelo mesmo sexo”.
        "As uniões estáveis entre pessoas do mesmo sexo recebem agora em nosso país reconhecimento do Estado. Tais uniões não podem ser equiparadas à família, que se fundamenta no consentimento matrimonial, na complementaridade e na reciprocidade entre um homem e uma mulher, abertos à procriação e educação dos filhos. Equiparar as uniões entre pessoas do mesmo sexo à família descaracteriza a sua identidade e ameaça a estabilidade da mesma", afirma a nota.
CNBB (Foto: Carolina Iskandarian/ G1) 
CNBB divulga nota durante assembleia dos bispos.

* UAB/UFERSA/CARAÚBAS: Divulgou lista de matriculados para o curso de Matemática à distância.

Confira a relação de matriculados:

ANDREIA MARIA DANTAS
JOAO MARINHO FERNANDES DOS SANTOS
LEILA KALINE ALVES
MARIA HELENILDA CARLOS DE ALMEIDA
RAIMUNDO NONATO PEREIRA
REGINALDO ALVES DA SILVA
RICARDO ALFREDO DE SOUZA
ANTONIO EDSON ALVES TORRES
HENDERSON GLENIO ARCANJO
EDINETE GARCIA DA SILVA
MARIA LUCIA HOLANDA DA SILVA
JOSE SOARES DA SILVA
UBIRAJARA BRITO DE MORAIS
IAGO DE OLIVEIRA ANDRADE
DAMIAO HUGO MAIA
LINDEMBERG KENNEDY SILVA AMARAL
VANILDO LINHARES DE OLIVEIRA
LEONARDO DA SILVA RAMOS
PAULA GRAZIELA BATISTA GOMES
LUIZ FERNANDO SANTOS DE ARAUJO
LUCAS DE OLIVEIRA NUNES
IONARIA CRISTINA DA SILVA BENEVIDES
RITA ADRIANA DE OLIVEIRA
ROSALIA GOMES DA SILVA
RAIMUNDO EDINARDO DE SALES
VANESSA FERNANDES LOPES
KATILCIA ESTEVAM GURGEL DE ASSIS MORAIS
GLEDSON FERNANDES PRAXEDES
DACELINDA DANIELA SOBRINHA
ROERLHS ALEXANDRE FREITAS DE OLIVEIRA
LISANIAS TARSO SABINO BARROS
LUCIANO ABEL
JULIANA CLESIA MENDES DA COSTA
ADRIELE VIANA DE OLIVEIRA
FRANCISCO KLEBER DE LIMA TARGINO
THAIS VIVILY DE MORAIS
FRANCISCO THIAGO DE SOUZA
FRANK LILISLEY OLIVEIRA SOUZA
FRANCISCA ALZILENE DA SILVA
JOSE WASHINGTON ALVES
SARA NAYARA MAIA
KAYO CESAR DE MORAIS
SILMARA CARLA DE MORAIS
GLAYDSTONE DA COSTA BEZERRA
CILENE DIAS GOMES
MARIA NEIDE REZENDE
ADRIANO ANDERSON DE LIMA MATOS
CLEMILDA CRISTINA WILANEZ
MAX IRAN DE MORAIS
FRANCISCO UBIRAJARA DA COSTA TAVARES
TIAGO BRAGA VIEIRA
CRISTIANNY DAYANNY FELIX DE FREITAS
FRANCISCA SUDERLAN DE MORAIS

* Secretária de Educação do Estado descarta reajuste a curto prazo para os professores.

        A secretária estadual de Educação, Betânia Leite, descartou que o Governo atenda a curto prazo as reivindicações dos professores. Ela culpou a administração passada por “deixar o Estado em penúria”. A secretária disse que o Governo irá pagar o piso nacional, mas não tem prazo para isso.
        Ela convocou os grevistas para manter a negociação e pediu prazo de 120 dias para “ter uma saída responsável e vislumbrar um futuro melhor para o magistério”.
       Essa realidade estadual e igual a realidade municipal de Caraúbas, a saída é GREVE mesmo!

* Professores da rede estadual de ensino de Caraúbas na luta pela valorização da educação!

        Na manhã de hoje (11), os professores e demais funcionários da rede estadual de educação fizeram uma mobilização de conscientização da sociedade caraubenses sobre os motivos que levaram a categoria a greve. Além dos profissionais em educação, ainda participaram da movimentação os vereadores Silas Sales (PIPI-DEM) e o vereador Ivanildo Fernandes (PT).
 Vicente de Paula um dos lideres do movimento grevista.
 Professor Marcos Roberto na luta...
 Vereador PIPI participou da movimentação.
Professor Arimateia representante da regional do SINTE-RN.

* Moradores do Bairro Leandro Bezerra clamam por melhorias.

         Os moradores do Bairro Leandro Bezerra/Caraúbas, estão pedindo socorro! Os Motivos são o abandono por parte municipalidade no tocante as inúmeras ruas esburacadas e pelo imenso matagal que se acumulam nas ruas do Bairro.
          Dentro dessa conjuntura caótica gostaríamos de solicitar da municipalidade maior agilidade na resolução desses problemas!

* PMC vai lançar pedra fundamental do Posto de saúde da Comunidade de Marrecas.

         Atendendo um requerimento do vereador Édson Morais (Pelé-PTB), o prefeito Ademar Ferreira (PSB), vai lançar logo mais as 15h, a pedra fundamental para a construção do posto de Saúde da Comunidade de Marrecas. Essa era uma reivindicação antiga da população local, o valor da obra será de R$ 75 mil reais.

* Câmara de Natal aprova projeto que proíbe uso de telefones celulares em salas de aula.

         De autoria do vereador Heráclito Noé, a Câmara Municipal de Natal aprovou o projeto que proíbe o uso de telefones celulares em salas de aula. A proposta foi aprovada em segunda votação e irá agora para apreciação da prefeita de Natal Micarla de Sousa.
        Outra proposta do vereador do PPS, aprovada na sessão de ontem, trata da obrigatoriedade de se constar a tradução, para a língua portuguesa, do nome de todos os estabelecimentos e edifícios, comerciais e residenciais, que estejam grafados em língua estrangeira. O projeto concede um prazo de cinco anos para a adequação dos estabelecimentos e prédios já existentes.

* XXVI Encontro da MULHER!

* Festa de Nossa Senhora de Fátima 2011!

* Sabe DEUS quando o Piso Será Pago!

          Em reunião ocorrida na governadoria com representantes do Sinte/RN, na tarde desta terça-feira (10), o secretário chefe do Gabinete Civil, Paulo de Tarso Fernandes, fez um relato das condições atuais das finanças públicas estaduais e afirmou da impossibilidade do Governo do Estado atender, de imediato, as reivindicações salariais da categoria.      
          Paulo de Tarso assegurou aos professores que o Governo pretende, dentro do mais curto espaço de tempo possível, pagar o Piso Nacional do magistério aprovado pelo Supremo Tribunal Federal.
Sobre a reivindicação da atualização da tabela em termos estaduais, o secretário considera impossível no momento. Segundo Paulo de Tarso Fernandes, a política salarial do Rio Grande do Norte para os professores tem sido, ao longo do tempo, escandalosamente vil. “A governadora Rosalba Ciarlini tem a determinação de enfrentar essa histórica cadeia de aviltamento salarial dos professores. Mas, isso não pode ser feito de uma hora para outra”, afirmou o secretário.
           O Estado do Rio Grande do Norte terá este ano um aumento em despesas com pessoal, incluindo os três poderes, da ordem de R$ 819 milhões. Entre janeiro de 2010 e dezembro de 2010, as despesas com pagamento de pessoal tiveram um aumento/mês de R$ 63 milhões. “Acrescentar mais despesas pode levar o Estado a um sério risco de desequilíbrio financeiro e levar até ao atraso de pagamento dos funcionários. Essa é uma história que já deixamos pra trás e que não pode voltar”, disse Paulo de Tarso.
           A secretária Betânia Ramalho considerou a situação financeira do Estado como dramática, e a decisão do Governo em expressar a realidade para o sindicato, como frustrante, mas verdadeira e honesta. “É melhor dizer a verdade do que prometer, como outros fizeram, e não cumprir”, afirmou.
           Betânia Ramalho também mantém o chamado para que o Sinte/RN continue na mesa de negociações com o Governo do Estado. “Pedimos para que a categoria nos dê um voto de confiança e retome o diálogo. Afinal, todos sabem que todas essas dificuldades que enfrentamos foram herdadas de administrações passadas, e estamos ainda colocando a casa em ordem”, completou.
          Blog: Na época da campanha eleitoral, a governadora Rosalba dizia que existia dinheiro sobrando para tudo, agora o dinheiro sumiu! Esse comentário serve também no âmbito municipal!
Fonte: Robson Pires.

* Assembleia Legislativa debate educação no Rio Grande do Norte.

          Transparência na gestão de recursos e construção de um Plano de Educação para o Estado foram os assuntos principais da audiência pública sobre a Educação do Rio Grande do Norte. A sessão, ocorrida na manhã de ontem, no auditório da Assembleia Legislativa, mobilizou deputados estaduais, secretários, Ministério Público, Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte/RN) e instituições da sociedade civil organizada.
          "O Governo está trabalhando na articulação de um Plano Estadual de Educação, fundamental para a melhoria do ensino nas escolas públicas, que garanta também a continuidade administrativa", afirmou a secretária de Educação, Betânia Ramalho.
          A secretária também defendeu a garantia da oferta dos 200 dias letivos como direito que o aluno da rede estadual tem. "Privar o aluno das importantes informações de conhecimento que são transmitidas em sala de aula é uma forte forma de exclusão social", disse.
          Entre as medidas que serão implantadas pelo Governo para modernizar e melhorar as condições de trabalho dos educadores, a secretária destacou a reestruturação do órgão central e a implantação de programa de bolsas de estudo e pesquisas, além do 14º salário.
          Betânia Ramalho também renovou ao Sinte/RN a chamada ao diálogo e solicitou a compreensão dos professores para a real situação do Estado e para o projeto de Educação que não dá pra ser feito da noite para o dia. Com relação aos prejuízos que uma greve causa aos alunos, a secretária foi enfática: "A interrupção do ano letivo acumula um prejuízo inalcançável ao alunado. Tempo perdido na educação não se recupera", completou.
          O presidente da comissão de Educação da Assembleia Legislativa, deputado Hermano Morais, também vê com preocupação a greve deflagrada pelo Sinte/RN. "As reivindicações dos professores são justas, mas é preocupante uma paralisação acontecer ainda no início do ano letivo e no começo de uma nova administração", afirmou.
          O representante do Sinte/RN, professor José Arnould, disse que a categoria está disposta a negociar e que entende que a greve não é boa pra ninguém. "Sabemos que a greve não é boa pra ninguém. Nem para alunos, nem para a sociedade", declarou.  
Fonte: O mossoroense.

* Charge do Dia!

De um lado, os professores cobrando acordos; do outro, o governo afirmando o cumprimento das promessas; no abismo entre eles, o estudante!

* Edital de Convocação do SINDSPUMC!

EDITAL CONVOCAÇÃO 
        A Coordenação do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caraúbas - SINDSPUMC. Gestão “Avançar para Conquistar”, convoca todos e todas para a uma Assembléia Geral Extraordinária que realizar-se-à quinta-feira dia 12 de maio do corrente ano às 09h no Auditório Manoel Germano da Silva do STRC – (Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Caraúbas, sito a Rua João Pessoa nº. 07, Centro. Com a seguinte pauta:

  • Acolhida;
  • Informes;
  • Reajuste do Piso Salarial.
Saudações Sindicais
“Avançar para Conquistar”
Caraúbas / RN, em 10 de maio de 2011
Herculana da Costa Neta Viana
Coordenadora-Geral

* Escolas Estaduais Participam de Mobilização!

          Logo mais as 8h, os professores e demais funcionários das Escolas Estaduais do Município de Caraúbas, irão fazer uma mobilização em prol de conscientizar a sociedade caraubense  da necessidade do movimento grevista como forma de luta pela valorização da educação no âmbito profissional e salarial. 
          O evento acontece no centro da cidade de Caraúbas!

* Rei é Rei!

O REI DO CELULAR

* Dilma diz que liberou R$ 750 milhões de restos a pagar para obras iniciadas.

          A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira (10), durante a 14ª Marcha dos Prefeitos, em Brasília, que determinou o pagamento de R$ 750 milhões de restos a pagar para obras em andamento e equipamentos.
          “Determinei que a Caixa Econômica Federal faça o pagamento de todas as obras já iniciadas. Serão R$ 750 milhões de reais que garantirão a continuidade das obras e liberação dos equipamentos já comprados”, afirmou.
           Segundo Dilma, R$ 520 milhões já estão disponíveis a partir desta terça. Os outros R$ 230 milhões serão liberados em junho. “Imediatamente a Fazenda vai liberar R$ 520 milhões. Hoje, o tesouro estará liberando para que os ministérios autorizem os pagamentos. No dia 6 de junho, serão liberados os restantes R$ 230 milhões de reais”, afirmou.
Presidenta Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer participam da cerimônia de abertura da XIV Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios  (Foto: Roberto Stuckert / PR) 
Presidente Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer participam da cerimônia de abertura
da XIV Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios
.