segunda-feira, 13 de junho de 2011

* UFERSA: Greve começou hoje e apenas 30% dos técnicos estão trabalhando.

        Os técnicos administrativos da Universidade Federal Rural do Semi-Árido - UFERSA, que aprovaram indicativo de greve na última quinta-feira, 09 , iniciaram o movimento hoje, com assembléia geral, que aconteceu no mine-auditório Cônego Amâncio Ramalho.
        A assembléia serviu para que fossem repassados todos os informes sobre a greve dos servidores a nível federal, onde cinqüenta por cento das universidades federais estão paralisadas no Brasil, e ainda sobre as deliberações do movimento em Mossoró.

* Negociações não avançam e professores continuam em greve.

          As negociações com o Governo do Estado não avançaram e os professores, técnicos administrativos e estudantes da UERN continuam em greve. Até agora a categoria docente recebeu somente uma proposta. O ofício, enviado à Associação dos Docentes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (ADUERN) no dia 31 de maio, apresentava reposição salarial de 23,98% e o descontigenciamento orçamentário da UERN. No entanto, a categoria não aceitou as proposições porque não foram estabelecidas datas para o cumprimento, além de estarem condicionadas ao aumento da arrecadação do Estado e à Lei de Responsabilidade Fiscal.
           A greve foi iniciada no último dia 31, dois meses depois da deflagração da campanha docente por mais verba para a UERN, melhores salários e melhores condições de trabalho. Os professores reivindicam: reposição salarial de 23,98% em cumprimento ao Plano de Cargos e Salários de 1989; descontingenciamento imediato dos recursos orçamentários da UERN; garantia da autonomia financeira da UERN; ampliação dos recursos orçamentários da UERN; universalização do regime de trabalho de Dedicação Exclusiva; urbanização dos espaços da UERN; plano de segurança para a UERN; criação de creches para os servidores, entre outros.

* João Maia apresenta na Caixa Econômica Federal dificuldades dos prefeitos potiguares.

         No fim da tarde desta segunda-feira (13), o deputado federal João Maia esteve presente, juntamente com a coordenadora da bancada do RN na Câmara, deputada Sandra Rosado (na foto com João), em reunião na superintendência da Caixa Econômica Federal, em Natal.
         Entre os assuntos discutidos, com a participação de todos os membros da superintendência, estavam às dificuldades que os prefeitos potiguares estão tendo em realizar os projetos provenientes das emendas dos parlamentares.
         De acordo com o deputado federal João Maia, o superintendente Roberto Linhares solicitou que cada deputado detalhasse as cidades e ministérios onde estão acontecendo essas dificuldades. O deputado João Maia fez a entrega do documento com as informações em mãos, porque já havia feito o levantamento. A deputada Sandra Rosado deverá estipular o prazo para que o restante da bancada faça o mesmo.
Fonte: Robson Pires.

* Assembleia divulga detalhamento de gastos da verba de abril, Gesane e Gustavo Fernandes são os “campeões”.

         O Portal da Transparência da Assembléia Legislativa começou a divulgar o detalhamento dos gastos dos deputados estaduais com as verbas de gabinete.
Na declaração dos gastos que serão reembolsados ainda falta o Portal divulgar as notas fiscais, ou seja, os fornecedores de cada parlamentar.
Confira abaixo:
GESANE MARINHO
Divulgação da atividade parlamentar R$ 5.160,33
Material gráfico/serviços postais R$ 5.122,84
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 8.356,81
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 4.486,52
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.342,66
TOTAL: R$ 26.469,16
GUSTAVO FERNANDES
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 5.164,30
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 11.500,00
Locação e Manutenção de bens imóveis, móveis e equipamentos R$ 4.000,00
Assinatura de publicações R$ 180,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 2.022,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 2.771,60
TOTAL: R$ 25.637,90
TOMBA FARIAS
Divulgação da atividade parlamentar R$ 6.025,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 4.901,95
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 8.500,00
Assinatura de publicações R$ 660,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 231,10
Combustíveis e lubrificantes R$ 4.931,67
TOTAL: R$ 25.249,72
NELTER QUEIROZ
Apoio cultural e a entidades sociais R$ 5.000,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 6.451,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 4.560,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 1.566,05
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 5.811,83
Combustíveis e lubrificantes R$ 1.824,93
TOTAL: R$ 25.213,81
LEONARDO NOGUEIRA
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 4.844,63
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 7.000,00
Assinatura de publicações R$ 440,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 3.323,70
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 3.220,00
Segurança R$ 3.000,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.385,10
TOTAL: R$ 25.213,43
GUSTAVO CARVALHO
Outras despesas R$ 1.282,44
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 10.363,41
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 13.000,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 410,78
TOTAL: R$ 25.056,63
EZEQUIEL FERREIRA
Material gráfico/serviços postais R$ 6.840,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 5.356,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 4.000,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 5.248,71
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.511,90
TOTAL: R$ 24.956,61
RICARDO MOTTA
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 13.750,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 7.680,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.350,00
TOTAL: R$ 24.780,00

ANTONIO JÁCOME
Outras despesas R$ 898,93
Material gráfico/serviços postais R$ 5.000,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 3.000,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 8.500,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 3.469,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.652,63
TOTAL: R$ 24.520,56
POTI JÚNIOR
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.000,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 7.348,37
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 12.500,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 430,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.074,30
TOTAL: R$ 24.352,67
VIVALDO COSTA
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.723,00
Material gráfico/serviços postais R$ 8.925,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 3.277,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 5.855,00
Segurança R$ 1.450,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.015,00
TOTAL: R$ 24.245,00
RAIMUNDO FERNANDES
Material gráfico/serviços postais R$ 2.050,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 12.500,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 2.000,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 4.333,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.301,40
TOTAL: R$ R$ 24.184,40
HERMANO MORAIS
Apoio cultural e a entidades sociais R$ 2.900,00
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.685,00
Material gráfico/serviços postais R$ 400,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 540,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 15.408,75
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 448,52
Combustíveis e lubrificantes R$ 2.390,83
TOTAL: R$ 23.773,10
FÁBIO DANTAS
Outras despesas R$ 1.037,63
Material gráfico/serviços postais R$ 11.250,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 2.244,31
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 4.000,00
Assinatura de publicações R$ 180,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 2.200,61
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.358,50
TOTAL: R$ 24.271,05
GEORGE SOARES
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.300,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 10.250,18
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 9.500,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.127,27
R$ 24.177,45
DIBSON NASSER
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 12.489,94
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 6.000,00
Segurança R$ 2.300,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.325,00
TOTAL: R$ 24.114,94
FERNANDO MINEIRO
Apoio cultural e a entidades sociais R$ 2.445,00
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.402,90
Outras despesas R$ 1.907,60
Material gráfico/serviços postais R$ 3.850,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 4.345,11
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 2.095,64
Locação e Manutenção de bens imóveis, móveis e equipamentos R$ 863,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 1.079,44
Cópias reprográfica, digitais e similares R$ 569,22
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 2.092,34
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.361,00
TOTAL: R$ 24.011,25
GILSON MOURA
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 4.642,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 16.000,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.328,50
TOTAL: R$ R$ 23.970,50
GETÚLIO REGO
Divulgação da atividade parlamentar R$ 1.000,00
Outras despesas R$ 16.529,40
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 3.555,84
Combustíveis e lubrificantes R$ 2.867,18
TOTAL: R$ 23.952,42
LARISSA ROSADO
Divulgação da atividade parlamentar R$ 5.500,00
Outras despesas R$ 859,80
Material gráfico/serviços postais R$ 63,28
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 2.615,05
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 10.500,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 24,50
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 1.545,35
Segurança R$ 1.200,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 1.256,10
TOTAL: R$ 23.564,08
JOSÉ DIAS
Apoio cultural e a entidades sociais R$ 13.000,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 1.000,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 5.480,00
Materiais e Serviços de Manutenção e Conservação de Veículos R$ 1.242,62
Combustíveis e lubrificantes R$ 1.782,78
TOTAL: R$ 22.505,40
MÁRCIA MAIA
Divulgação da atividade parlamentar R$ 510,00
Outras despesas R$ 1.448,45
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 4.500,00
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 12.000,00
Assinatura de publicações R$ 360,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.306,47
TOTAL: R$ 22.124,92
WALTER ALVES
Divulgação da atividade parlamentar R$ 279,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 2.508,28
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 12.785,00
Manutenção do escritório de apoio à atividade parlamentar R$ 439,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 1.964,95
TOTAL: R$ 17.976,23
AGNELO ALVES
Apoio cultural e a entidades sociais R$ 6.000,00
Divulgação da atividade parlamentar R$ 4.100,00
Locomoção/hospedagem/alimentação/locação de veículos R$ 1.853,67
Consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos R$ 2.000,00
Combustíveis e lubrificantes R$ 3.266,00
TOTAL: R$ 17.219,67

* Mudanças na cúpula governista caraubense...

        Quando o acordão for oficializado entre os Ferreiras e os Alves, uma onda de mudanças ocorrerão na cúpula governista caraubense, esse "ajuste" acontecerá para há acomodação de "alguns" partidários do ex-prefeito Eugênio Alves (PR) que passarão a ocupar cargos no primeiro e segundo escalão do governo Ademar Ferreira; como também algumas alterações no comando dos cargos do governo do estado à nível de Caraúbas, assim se você pensa que o acordão é só para Juninho Alves não ser candidato contra Ademar, está muito enganado!
       Um aviso: Se você não estiver satisfeito, já sabe, peça para sair... Por que a preocupação do governismo local é a reeleição do prefeito Ademar Ferreira, assim antes de fazer alguma crítica ou chacota com alguém,  cuidado! O seu cargo ou a sua gratificação, pode está na mesa das negociações...

* Estudantes têm até hoje para efetuar o pagamento da taxa de inscrição do Enem.

        Alunos que se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até hoje (13) para pagar a taxa de R$ 35 em qualquer agência do Banco do Brasil. Estudantes com conta corrente no mesmo banco também podem optar por fazer o pagamento em caixas eletrônicos ou pela internet.
        De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), os boletos podem ser gerados até as 16h no endereço, onde também poderá ser conferida a confirmação da inscrição três dias após o pagamento da taxa.
        As inscrições para a prova foram encerradas na última sexta-feira (10). O Ministério da Educação registrou 6.221.697 estudantes interessados em fazer o exame. As provas serão realizadas nos dias 22 e 23 de outubro em 12 mil localidades de 1.599 municípios.

* Policiais civis decidem não aumentar efetivo para 50% durante greve.

         Os policiais civis do Rio Grande do Norte permanecerão em greve, mesmo após o desembargador Caio Alencar ter determinado o retorno de 50% do contingente ao trabalho, sob pena de multa diária de R$ 50 mil ao Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol). A decisão foi tomada em audiência da categoria, realizada na manhã de hoje (13).
         O Sinpol pretende recorrer da decisão ainda hoje, alegando que a lei de greve está sendo cumprida e, por isso, não há razão para que 50% dos policiais civis do Estado atuem durante o movimento de paralisação.
        De acordo com a presidente do (Sinpol), Vilma Marinho, a opção por dar continuidade à paralisação ocorreu pela categoria ter entendido que a lei de greve já está sendo cumprida. “Estamos mantendo 30% dos policiais e o atendimento inadiável continua ocorrendo. São 10 delegacias regionais no interior do estado e outras duas em Natal, que permanecem com expediente normal, mesmo durante a paralisação”, reforça.
        Em relação ao fim da greve, Vilma Marinho garante que isso só ocorrerá após a apresentação de uma proposta de reajuste, por parte do Governo do Estado. “Vamos continuar com a greve e acampados em frente à Governadoria”, garante a presidente do Sinpol.

* PT tenta tapar um rombo de 42 milhões no partido.

       Com o objetivo de sanar um rombo de cerca de R$ 42 milhões no seu caixa, o Partido dos Trabalhadores pretende criar uma taxa única obrigatória, a ser cobrada de todos os filiados que não ocupam cargos públicos.
       A proposta está no anteprojeto de reforma do estatuto petista, que começou a circular entre os militantes na última sexta-feira.
       A ideia é impor uma taxa equivalente a 1% do salário mínimo para cerca de 1,4 milhão de filiados. Se a taxa for esta o filiado terá que contribuir com R$ 65,40 por ano, sem o 13º, a arrecadação extra chegaria a R$ 91,5 milhões anuais -mais que o dobro da dívida atual do partido.

* Jornal de Fato detalha parte da pesquisa do Instituto Gama em Caraúbas:

       O jornal de fato, na edição do último dia 12/06, detalhou parte da pesquisa do Instituto Gama, à nível de Caraúbas, segundo o colunista César Santos a situação do prefeito Ademar Ferreira (PSB), é a melhor possível, confira:
       Bem nos números
       O prefeito Ademar Ferreira (PSB) acaba de receber pesquisa do Instituto Gama, que o coloca em situação interessante para buscar a reeleição no ano que vem. Ele aparece com 57% da intenção de votos na estimulada, sendo seguido à distância pelo ex-prefeito Eugênio Alves (PR), com 26%. Na espontânea, a distância cresce consideravelmente, com Ademar subindo para 77% e Eugênio caindo para 13%. Quando coloca Juninho Alves (PR), irmão de Eugênio, ele aparece com 18% na estimulada e 10% na espontânea. A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 6 deste mês.
      Nesse sentido, Ademar sem fazer quase nada está assim, imagine se administração melhorar, porém não existe pesquisa mentirosa quem encomenda é quem destroce os números ou não!

* Professora caraubense coloca propostas de Ademar e Alcivan no Orkut.

        A professora Ozenilda Morais, colocou na comunidade de Caraúbas no ORKUT, as propostas do prefeito Ademar na época em que era candidato em 2008, confira:
 PROGRAMA DE GOVERNO - 40
         
         Texto da professora Ozenilda:
         Avaliação do Programa de Governo
        Pessoal, existem muitas especulações sobre a união de grupos A+B para Eleições 2012 para os eleitores correrem atrás, dizem amém!
        Considerando que já se passaram quase dois anos e meio de Governo desta atual Administração, penso que neste momento estar na hora de nós, eleitores que “votamos” na última eleição e “moramos” no município de Caraúbas fazer uma prévia avaliação do Programa de Governo atual, isto sim!Pois temos propriedade e autonomia suficiente para aprovar ou não a reeleição de um candidato sem precisar seguir A ou B.
         Penso que todos vocês receberam essa Cartilha com o PROGRAMA DE GOVERNO, tenho quase certeza que a maioria se quer leu ou não tem mais. Recebi e guardei-a com muito cuidado e gostaria de compartilhar com vocês.Cabe a cada um avaliar – Sem puxar saco ou criticar por criticar.
Avalio da seguinte formar:para cada ano de mandato, 25%.É claro que o Prefeito hoje não pode ser 100%.Ainda faltam um ano e sete meses para concluir sua Gestão,mas uns 60% desse Projeto deveria estar contemplado!
         Caso cumpra os 100%,voto no Sr. Ademar sem precisar de intermediário.
Fiquem na Paz!! 
         Na proposta 22, o então candidato Ademar Ferreira, prometia:
        Construção de um Complexo Turístico Casa do Sabe Muito, compreendendo a criação de um Museu Histórico e Geográfico...
        Grandes Eventos:
         * Os grandes eventos serão MANTIDOS e AMPLIADOS: A Festa de São Sebastião, Emancipação política, Carnaval, e o SÃO JOÃO TERÃO GRANDES ATRAÇÕES NACIONAIS;
         * Fortalecimento da Feira de Negócios e Cultura do Médio Oeste;
         * Criação do Reveillon do Povo.
         Após quase três anos de administração "Nossa Força é Nosso Povo", faça uma avaliação própria das propostas e das ações, caso queira opinar na comunidade o endereço: http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=1498036&tid=5608699772176276856&na=1&nst=1.

* Ouro impulsiona investimentos no Rio Grande do Norte.

        Com a reativação da Mina  São Francisco, a 26 km de Currais Novos, a produção de ouro no Rio Grande do Norte saltará de 47,65 gramas, valor registrado pelo Departamento Nacional de Pesquisa Mineral em 2009, para 3 toneladas a partir de 2013, quando a mina começa a operar. O volume será 62.000 vezes maior que o atual e poderá crescer ainda mais, considerando a entrada em operação de outros projetos. 
        Um desses projetos  é o da Mina Bomfim, em Lajes, que entrará em operação nos próximos quatro meses, produzindo scheelita e ouro. De acordo com o engenheiro de minas Pedro Paulo Batista, diretor da mina, não é possível precisar a quantidade de ouro produzida, uma vez que o foco da empresa é a produção de scheelita. O volume, no entanto, ajudará a incrementar a produção do estado que hoje parece  microscópica em comparação com a produção nacional.
        Em 2009, de quando datam os estudos mais recentes sobre o setor, o Brasil atingiu 56,4 toneladas. No RN, a cifra ainda está na casa dos gramas. Apesar disso, a perspectiva de crescimento da produção potiguar  já movimenta a economia local.

* Magazine Luiza anuncia que vai comprar Lojas do Baú.

        A rede varejista Magazine Luiza anunciou na manhã desta segunda-feira (13), por meio de comunicado publicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), ter assinado um memorando de entendimentos acertando a a aquisição das Lojas do Baú, do Grupo Silvio Santos. A operação envolve R$ 83 milhões, que deverão ser pagos integralmente, segundo comunicado, em 31 de julho de 2011. O acordo, fechado na sexta-feira (10), foi feito com a BF Utilidades, empresa do Grupo Silvio Santos.
       A assinatura dos contratos definitivos deverá ser feira até 30 de junho, segundo o comunicado.