sexta-feira, 24 de junho de 2011

* O Gás da cidade...

O GÁS DA CIDADE É...
MAIS UMA DO GRUPO NOVINHO PRAXEDES.

* Japão diz que prejuízo pelo terremoto de março passa de R$ 334 bilhões.

          Prejuízos a edifícios, rodovias e portos provocados pelo grande terremoto e tsunami de março no Japão foram estimados em 16,9 trilhões de ienes (cerca de R$ 334,2 bilhões), afirmou o governo japonês na noite desta quinta-feira (23), manhã de sexta em Tóquio
           As indústrias agrícola e de pesca sofreram perdas estimadas em um total de 1,9 trilhão de ienes. Já o setor de infraestrutura - que inclui serviço de gás e água - teve prejuízos estimados em 1,3 trilhão de ienes. Os danos a prédios governamentais foram de carca de 1,1 trilhão de ienes.
          As estimativas não incluem os prejuízos dos acidentes nucleares provocados pelo terremoto e pelo tsunami na costa nordeste do país.

* O retrato da renda e da extrema pobreza no RN.

         Em território urbano ou rural. Não importa o cenário. Elas estão sempre lá. No rosto, as feições de quem se acostumou a sobreviver com pouco. Pessoas cuja renda per capita não ultrapassa R$70 por mês e que aprenderam a dispensar o supérfluo, desde cedo. No Rio Grande do Norte, elas representam 12,81% da população - são 405.812 ao todo. A maioria é mulher, parda e tem entre 15 e 64 anos. Algumas não sabem ler ou escrever.
         Apesar de ter o menor percentual da população vivendo em extrema pobreza, no Nordeste, de acordo com dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, com base no Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Rio Grande do Norte não tem o que comemorar. O número de habitantes nessa condição é elevado, alerta o economista Aldemir Freire, chefe do IBGE/RN. "O indicador ainda é bem superior à média nacional e 400 mil pessoas representam praticamente a população inteira de alguns municípios", justifica. 
         No Rio Grande do Norte, a renda média mensal domiciliar per capita - o que cada pessoa da família recebe por mês - subiu 35,19% nos últimos dez anos. Apesar da evolução, milhares de potiguares não conseguiram sair da condição de pobreza extrema. Maria Gomes da Silva, 62, é uma delas. A feirante divide a casa, doada pelo Estado, com dois netos e o marido. A renda mensal da família não ultrapassa R$100, já incluindo o Bolsa Família, que lhe rende R$70 por mês - o que dá uma média de R$25 por pessoa. 
        Apesar da evolução verificada nos últimos anos, reflexo, em parte, do impacto dos programas assistenciais do governo Lula, o Nordeste ainda é a região  que concentra o maior número de pessoas em pobreza extrema: são 9,6 milhões ao todo - o triplo do registrado na região Sudeste.    

* O Melhor Atendimento! A Melhor Qualidade!

SS CARTUCHOS/CARAÚBAS!
CONTATOS.: 3337-2420/ 8829-5455/ 9904-5828.

* GRUPO CAIO ROCHA!

O REI DO CELULAR

* Relatório da ONU aponta consumo abusivo de remédios no Brasil.

         Relatório divulgado ontem (23) pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (Unodc) alerta para o consumo abusivo de medicamentos no Brasil - sobretudo emagrecedores a base de anfetamina.
         Em toda a América do Sul, a estimativa é que entre 0,3% e 0,4% da população adulta (15 a 64 anos) faça uso não médico de opióides de prescrição, com um total de usuários variando entre 850 mil e 940 mil. No Brasil, o percentual chega a 0,5%.
         O documento indica uma alta prevalência de consumo desses medicamentos também na Costa Rica (0,5%) e no Chile (0,6%).
         Durante o lançamento do relatório, o diretor de Assuntos Internacionais da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), Vladimir de Andrade, destacou as estratégias adotadas pelo governo brasileiro em relação ao consumo de substâncias controladas, como a retenção de receita médica e a proibição de misturas.
         Este ano, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) levantou a possibilidade de proibir a comercialização de emagrecedores, alegando que os riscos à saúde superam os benefícios - mesmo quando as drogas são prescritas.
Em toda a América do Sul, a estimativa é que entre 0,3% e 0,4% da população adulta (15 a 64 anos) faça uso não médico de opióides de prescrição, no Brasil o percentual chega a 0,5% 
Em toda a América do Sul, a estimativa é que entre 0,3% e 0,4% da população adulta (15 a 64 anos) faça uso não médico de opióides de prescrição, no Brasil o percentual chega a 0,5%

Escola Josué de Oliveira movimenta o arraiá das caraubeiras.

         Na tarde de ontem (23), a Escola Municipal Josué de Oliveira movimentou o arraiá das caraubeiras, com um passeio de carroça em homenagem ao sanfoneiro Caçula Benevides a escola animou a cidade, confira imagens:
 Comissão de frente...
 A galera...
Caçula foi homenageado...

* Quer ficar milionário?

A saída é o Bolão do Bicudão!
Contatos: 9992-2628/ 9604-9491
Não perca a oportunidade de mudar de vida!
Hoje (24) Têm Quina de São João! 60 Milhões! 
Amanhã (25) têm de 72 milhões na Mega-Sena!

* Esse Todo Mundo Vai!

Esse Todo Mundo Vai!

* Inscrições para o ProUni terminam hoje!

        Terminam nesta sexta-feira (24) as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni). Para o segundo semestre de 2011 são oferecidas 92 mil bolsas de estudo em instituições privadas de ensino superior. Podem participar estudantes que concluíram o ensino médio em escolas públicas e fizeram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010.
        As inscrições devem ser feitas exclusivamente pela internet, no site do programa. Do total de bolsas oferecidas pelo ProUni nesta edição, 46.970 são integrais e 45.137 são parciais, que custeiam 50% da mensalidade. O benefício integral pode ser pleiteado por candidatos que tenham renda familiar per capita mensal de até 1,5 salário mínimo. Já as parciais destinam-se a estudantes com renda familiar per capita de até três salário mínimos.
       Além de atender aos critérios de renda, o candidato precisa ter atingido o mínimo de 400 pontos na média das cinco provas do Enem e não ter tirado zero na redação.