terça-feira, 6 de setembro de 2011

* Escola Maria Sílvia vai encolher os mais belos estudantes 2011.

No proximo sabado dia 10 de setembro uma grande festa sera realizada para marcar a escolha de mais belo estudante e mais bela da Escola Estadual Maria Silvia.

A festa acontecera apartir das  das 20:00 horas no Pallace clube ao lado da Escola Estadual Maria Silvia e contará com a presença do grupo dançart e outros grupos de dança da cidade.

Serão 18 concorrentes que subirão a passarela para disputar o titulo de mais belos de 2011 e no final da festa haverá discoteca.

O evento é organizado pela Escola Estadual Maria Sílvia e coordenados pela Professora  Camila Kelly e o turismólogo e artista plástico Suellyton Araújo.

* Com 291 kg, americana entra para o Guinness como a mais gorda do mundo.

A norte-americana Pauline Potter, de 47 anos, vai aparecer na edição 2012 do Guinness, livro dos recordes, como a mulher mais gorda do mundo.
Pauline Potter, que mora em Sacramento, pesa 291,6 quilos. (Foto: Reprodução/Guinness) 
Pauline Potter, que mora em Sacramento, pesa 291,6 quilos.
Pauline, que mora em Sacramento, no estado da Califórnia (EUA), pesa 291,6 quilos. A nova edição do livro será lançada no dia 15 de setembro.

Outra americana, Donna Simpson, que pretendia passar dos atuais 273 kg para 457 kg, desistiu de se tornar a mulher mais gorda do mundo após alerta dos médicos.

Considerada a mulher mais gorda do mundo a dar à luz, Donna iniciou uma dieta radical após os médicos lhe darem o alerta de "emagreça ou você vai morrer".
Donna Simpson, de 42 anos, pretende entrar para o livro Guinness World Records como a mulher mais gorda do mundo  (Foto: James Ambler / Barcroft USA / Getty Images) 
Donna Simpson, de 42 anos, desistiu de tentar ser a mulher mais gorda do mundo.

* Governo Ademar Ferreira contará com 8 dos 9 vereadores na câmara.

O governo Ademar Ferreira (PSB), teve passar a contar nas próximas sessões da Câmara Municipal de Vereadores, com oito (08) dos nove (09) vereadores. Essa situação será possível graças a união política entre os blocos Alves e Ferreiras, que apesar de não está fechada oficialmente, já está funcionando de fato e de direito.

A partir de agora a única voz contrária a governismo local será do Edil petista Ivanildo Fernandes.

Essa ampla maioria do governo Ademar, na Câmara Municipal, é apenas uma marca do tamanho da força política da união entre os blocos liderados por Eugênio e Ferreira Júnior.

É aguardar...
Eugênio Alves e Ferreira Júnior formarão um dos maiores grupos da região oeste.

* Caraúbas: Anel viário da entrada da cidade será licitado.

De acordo com as informações advindas da administração Ademar Ferreira, na próxima quinta-feira (08), será licitada mais uma obra da administração "Nossa Força é Nosso Povo", na ocasião o Anel Viário da entrada da cidade.

A obra está orçada em algo em torno de R$ 240 mil, recurso advindo de uma emenda do Senador Garibaldi Alves Filho (PMDB) e trará uma melhor urbanização e arborização da RN 117, carta postal da nossa cidade, "O compromisso do nosso governo é desenvolver Caraúbas, e nesse sentido a entrada da nossa cidade precisa de uma melhor infra-estrutura e essa obra tem esse objetivo", frisou o prefeito Ademar Ferreira (PSB).

A assessoria jurídica da municipalidade acredita que após a licitação, a obra teve está concluída entre 90 e 120 dias.
Caraúbas terá uma nova entrada em breve...

* Estado convoca concursados da Saúde.

Foi publicado nesta terça-feira (06), no Diário Oficial do Estado, a nomeação, em caráter efetivo com a observância da ordem de classificação, dos candidatos aprovados em concurso público, homologado através da Portaria no. 028 de 24/06/2010, para os cargos de Médico/Cirurgia Geral, Médico Clínico Geral, Médico Ortopedista, Médico Infectologista e Técnicos de Enfermagem.

Ao todo serão 18 Médicos e 64 Técnicos de Enfermagem. Esses nomeados serão integrantes do Quadro Geral de Pessoal da Secretaria de Estado da Saúde Pública.

* Rosalba quer impostos sobre supérfluos para custear a saúde.

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) reafirmou que é favorável à criação de uma nova fonte de recursos para custear a saúde, mas não como a extinta CPMF. A chefe de Executivo estadual argumenta que os recursos poderiam advir da taxação de produtos supérfluos, como álcool e cigarro.

“Não defendo um novo tributo, mas sim que o governo federal estude uma maneira de aumentar impostos de bens supérfluos e direcionar a arrecadação para a Saúde”, disse a governadora democrata.

Rosalba e outros 11 governadores, capitaneados por Cid Gomes (PSB), do Ceará, assinaram carta de apoio à ideia da presidenta Dilma Rouseff (PT), que sugere ao Congresso uma busca por fonte de recursos a regulamentação da Emenda 29. Pela proposta, os Estados serão obrigados a gastar com Saúde, no mínimo, 12% de sua receita, e os municípios, 15%.

Caso o texto seja aprovado – a votação deverá ser realizada até o fim do mês na Câmara – os governadores não poderão mais “maquiar” os gastos da saúde. Atualmente, a maioria alega que investem mais do que o previsto na Constituição, porque se incluem nessa rubrica gastos em saneamento, construção de banheiros e até pagamento de pessoal. Caso aprovada a regulamentação, essa prática fica proibida.

* Deputado Henrique Alves: “Os espaços do PMDB no Governo do Estado estão de bom tamanho”.

O presidente estadual do PMDB, o deputado federal Henrique Eduardo Alves, negou que a adesão dele ao Governo Rosalba esteja condicionada a novas indicações do partido ao Executivo. “O PMDB já está no Governo; os espaços do PMDB (no Governo Rosalba) estão de bom tamanho”, afirmou o parlamentar, referindo-se a secretaria de Turismo e de Ação Social, cujos titulares foram indicados pelo ministro da Previdência Garibaldi Filho.

O deputado afirmou que a preocupação é ajudar a governadora Rosalba nos projetos de desenvolvimento para o Rio Grande do Norte. Ele citou a ampliação do porto de Natal e o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante.

* MP quer investigar "denúncia" de que dançarinas do Pânico são garotas de Programa.

Nos bastidores, a turma do "Pânico" (Rede TV!) está tentando evitar que vá ao ar o quadro "Máquina da Verdade", do "Tudo É Possível" (Record), com a ex-panicat Dani Bolina. A assistente de palco teria dito durante sua participação que algumas panicats "fazem programa".

A entrevista, que deve ir ao ar no dia 18, chamou a atenção do Ministério Público e da Polícia Federal, que desmontou em 2010 esquema de prostituição que envolvia modelos e dançarinas de TV.

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez e publicada na Folha desta terça-feira (06).

* "Ninguém vai bisbilhotar a imprensa", garante o ministro das Comunicações.

Em entrevista a Vera Rosa, jornalista de O Estado de S.Paulo, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse não ter visto nenhum problema na moção aprovada pelo 4º Congresso do PT, pregando a regulamentação da mídia. Mesmo assim, afirmou que as posições do partido e do governo não se confundem. Para Bernardo, a discussão sobre o assunto está muito "apaixonada" e é preciso esclarecer que nem o governo nem o PT querem controlar o conteúdo da imprensa.

"Ninguém vai bisbilhotar a mídia", insistiu o ministro. "Agora, assim como a mídia pode criticar o PT, o PT pode criticar a mídia", ressaltou Bernardo.

O governo ainda não tem data para enviar o projeto de lei sobre o assunto ao Congresso, mas Bernardo já prevê mais polêmica à vista.

"Vamos mandar a proposta para consulta pública e deixar, entre aspas, o pau quebrar", disse o ministro.

* Rosalba se reúne hoje com Henrique para convidá-lo a indicar nomes para o Governo.

A governadora Rosalba Ciarlini começa o dia tomando café da manhã de hoje (06) com o líder do PMDB na Câmara dos Deputados, o deputado federal Henrique Eduardo Alves. Junto com o marido, Carlos Augusto Rosado, a chefe do Executivo irá oficialmente convidar o peemedebista para fazer parte do Governo.

Henrique Alves afinou o discurso com a administração de Rosalba em uma reunião, na casa do senador José Agripino Maia, em Brasília. Indicar nomes para integrar o time de auxiliares do Governo é o próximo passo.

O encontro da governadora com Henrique Eduardo, será na residência do deputado, no bairro de Areia Preta.


Líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves com a governadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN)
Rosalba e Henrique.

Panorama Político.

* No Brasil, sete em cada dez ex-presidiários voltam ao crime.

No Brasil, sete em cada dez presos que deixam o sistema penitenciário voltam ao crime, uma das maiores taxas de reincidência do mundo, disse o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Cezar Peluso. Segundo ele, atualmente cerca de 500 mil pessoas cumprem pena privativa de liberdade no Brasil. "A taxa de reincidência no nosso país chega a 70%. Isto quer dizer que sete em cada dez libertados voltam ao crime. É um dos maiores índices do mundo".

A declaração do ministro foi feita durante a assinatura de renovação de parceria entre o CNJ e a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) dentro do programa Começar de Novo, que prevê a criação de vagas para detentos e ex-detentos no mercado de trabalho e em cursos profissionalizantes. De acordo com o CNJ, o público atendido pelo programa exerce atividades nas próprias unidades prisionais, em órgãos públicos, empresas privadas e entidades da sociedade civil. Em setembro, 300 presos do Maranhão deverão ser empregados na construção de três mil casas do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

"O programa Começar de Novo visa à sensibilização de órgãos públicos e entidades da sociedade civil para que forneçam postos de trabalho e cursos de capacitação profissional aos presos e egressos do sistema carcerário. O objetivo do programa é promover a cidadania e, consequentemente, diminuir a criminalidade", disse Peluso.
crime 300x203 crime

* Caraubenses conquistam 2º e 3º lugar em torneio de Vôlei de Areia, na cidade de Patu (RN).

Exibir volei de areia
Aconteceu no último final de semana mais um Torneio de Vôlei de Areia na cidade de Patu, e mais uma vez equipes da cidade de Caraúbas (RN) se destacam na competição. Desta vez reuniu 18 equipes e Caraúbas foi representada por duas equipes, que conquistaram os 2º e 3º lugares. Em 3º lugar a dupla Tiago e Tácio e 2º lugar a dupla Murilo e Gilliard. A dupla campeã foi da cidade de Caicó (RN). Parabéns para as duplas caraubenses que estão propagando mais este esporte na cidade de Caraúbas e que já mostrou que somos campeões nesta modalidade .
Sociedade Ativa.

* Governo frustra trabalhadores com declaração de adiamento da implementação dos PCCRs.

A governadora Rosalba Ciarlini anunciou que não implementará os Planos de Carreira previstos para setembro. Novidade? Desde o início da sua gestão, a Governadora protelou a resolução de impasses com o funcionalismo público estadual. As greves no início do ano e a tentativa de negociações não foram suficientes para mostrar para a gestora que o Estado se mantinha em dívida com os servidores.

Rosalba Ciarlini concedeu entrevista ao jornal Tribuna do Norte (edição de sábado, 3) e disse que o acordo que havia feito com os servidores, que estavam em greve, era de voltar a negociar as reivindicações no mês de setembro. Numa declaração estudada, como se estivesse apresentando a melhor resposta do mundo para os trabalhadores, disse que chamaria os representantes de cada categoria para discutir uma forma de resolver a questão.

Mais uma vez, a governadora anda na contramão das negociações, que para os funcionários haviam ficado claras: a implementação dos Planos começaria em setembro. Em tese, as negociações já haviam sido feitas. Com a declaração da governadora, ela quer fazer a população crer que os trabalhadores é que entenderam o recado de forma errada. Além disso, o discurso sobre a Lei de Responsabilidade Fiscal voltou a ser usado pela gestora como justificativa para não pagar o que deve.

* Advertência do MP tem se transformado em paranóia, diz sindicalista.

Os diretores de escolas estão sendo advertidos pelo Ministério Público sobre quem tem direito à merenda escolar. “Essa pressão do MP toma por base as normas gerais do Ministério da Educação, mas tem se transformado em uma verdadeira paranóia”, diz a coordenadora geral do Sinte, Fátima Cardoso.

A dirigente chama a atenção para preocupações maiores com a alimentação escolar. É ocaso do financiamento, que já foi investigado pela Controladoria Geral da União (CGU) e veio à tona em março deste ano. Na ocasião, a imprensa denunciou o maior ralo existente para escoamento da verba da alimentação escolar e ele está, justamente, nas prefeituras.

 Para a dirigente, o papel do Ministério Público tem se invertido com essa questão. “Apesar das constatações feitas pela CGU, que demonstram os desvios de recursos feitos pelos gestores, das notas frias, do superfaturamento dos produtos, o MP decide centrar suas atenções justamente nos professores, pelo simples fato de se alimentarem da merenda excedente.”, afirma a sindicalista.

* Aí mata: Professores ameaçam novas paralisações.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte (SINTE) disse ontem (05) que se o governo não cumprir o que foi acordado nas audiências de encerramento da greve, não haverá o fim do ano letivo em 2011, nem início em 2012. O governo garantiu reajuste de 34% divididos entre setembro, outubro, novembro e dezembro.
 
O aviso é uma reação às declarações da governadora Rosalba Ciarlini que no sábado, 3, disse que não pagará os reajustes dos planos de cargos, carreira e salário dos servidores em setembro. Na interpretação do governo, só agora é que os grupos serão chamados para negociar como os planos serão implantados.
 
A reação foi imediata e pode provocar nova greve dos técnicos administrativos. De acordo com Fátima Cardoso, coordenadora do Sinte, o magistério vai aguardar até dezembro, mas os grupos de Nível Operacional (GNO), de Nível Médio (GMM) e de Nível Superior (GNS) devem paralisar antes disso. Os servidores esperam 40% de reajuste, como diferença do que eles ganham e a tabela salarial. Como o governo disse que não cumprirá o acordo, os representantes das categorias devem se encontrar até semana que vem, para discutir o movimento paredista.
 
Ontem, a secretária de Educação, Betânia Ramalho, cancelou o encontro que tinha com o Sindicato dos Trabalhadores na Educação do Rio Grande do Norte (SINTE) e os coordenadores reagiram. Hoje, eles irão até o Centro Administrativo e só sairão de lá quando conversarem com Betânia e o chefe de gabinete Paulo de Tasso.
 
"Desde 21 de julho esperamos pela audiência e não conseguimos. O governo, além de protelar, está desrespeitando o Sindicato e a categoria", disse Fátima.

* Jarbas Vasconcelos critica proposta do PT sobre regulação da mídia.

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) criticou ontem, na tribuna do Senado, a iniciativa aprovada pelo 4° Congresso Nacional do PT de ressuscitar o marco regulatório da mídia. Para ele, "é o nome pomposo para um verdadeiro tribunal da inquisição da comunicação que os petistas querem implantar no Brasil". Jarbas falou para um plenário que tinha um quórum de apenas cinco senadores, antecipando o recesso branco na Casa, na semana do feriado de 7 de setembro.
 
O senador disse "toda vez que algum malfeito petista aparece nas páginas dos jornais e das revistas", a cúpula do PT se apressa em defender a regulamentação da mídia. O senador fazia referência a uma reportagem da revista Veja que mostra ex-ministro da Casa Civil José Dirceu recebendo atuais ministros e parlamentares em um quarto de hotel em Brasília (DF). "O ex-ministro ficou indignado e acusou a revista de espionagem. O fato é que José Dirceu prefere agir - com sempre fez - nas sombras, incógnito, disfarçado, quase um personagem de filmes de espionagem ou de gângsteres, e agora exercendo o papel bem remunerado de consultor-geral da República", afirmou.
 
Para Jarbas, esse tipo de comportamento não combina mais com o Brasil dos tempos atuais. Ele citou levantamento da Associação Nacional dos Jornais (ANJ) mostrando o aumento no número de assassinatos de jornalistas no Brasil. "De agosto de 2010 para agosto deste ano, foram registradas cinco mortes em que há indício de ligação com a atividade profissional. No relatório anterior da entidade, que abrangeu um período de dois anos, foi registrado apenas um homicídio, e por motivos não relacionados à profissão", citou.
 
Outra questão grave, no entender do senador, é a expansão das censuras impostas a veículos de comunicação. "Nos últimos 12 meses, foram 12 casos, contra 19 nos dois anos anteriores", informou. Citou como exemplo mais grave a censura imposta ao jornal O Estado de S.Paulo, que há 766 dias foi proibido por um desembargador da Justiça Federal de São Paulo de publicar qualquer informação sobre o envolvimento do empresário Fernando Sarney em acusações de tráfico de influência no âmbito do Governo Federal. O envolvimento do filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), foi investigado pela Polícia Federal na "Operação Faktor".
 
Para o senador, se situações como essas acontecem agora, "há de se imaginar os riscos que corremos, caso o tal marco regulatório do PT seja aprovado. Teremos um Brasil no qual os aliados do governo serão tratados de forma diferenciada, pois não são pessoas comuns, para usar a expressão de Lula sobre o senador José Sarney", ironizou o senador.
Jornal de Fato.

* Rosalba: ‘Quero governar com o apoio de todos os políticos’.

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) e o ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi (PDT), trocaram elogios ontem (05), em solenidade realizada na Governadoria. Rosalba reconheceu que tinha valido a pena o tempo em que passou no PDT. Ela foi eleita prefeita pela primeira vez, em 1988, pela sigla brizolista. O tom amigável da conversa foi testemunhado pelo ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) e pelo deputado estadual Agnelo Alves (PDT).
 
A presença do PDT natalense no encontro administrativo reabre a especulação de que Carlos Eduardo Alves poderia receber o apoio do DEM e do PMDB. Mas a própria governadora tratou de colocar "panos quentes" no assunto e falou do PMDB, PSD e de demais representações políticas do Rio Grande do Norte na Assembleia Legislativa e no Congresso Nacional. "Quero governar com o apoio de todos os partidos", disse.
 

E é nesse sentido que Rosalba Ciarlini tem dito que a campanha eleitoral acabou e que a bandeira a ser defendida agora é a do Rio Grande do Norte. Tanto que ela não criou obstáculos para a deputada federal Sandra Rosado (PSB) liderar a bancada potiguar em Brasília (DF), sucedendo ao deputado federal Fábio Faria (PSD).