segunda-feira, 5 de novembro de 2012

* Papo de Boteco...

Passado o período eleitoral é hora de avaliarmos tudo que aconteceu nesses últimos meses, e nesse sentido ainda é comum os debates sobre o pleito eleitoral e vários lugares do nosso município, assim vamos destacar alguns pontos:

Ademar Ferreira: Apesar de ter tido sua candidatura em alguns momentos pré eleição "Ameaçado" demonstrou ser bom de urna e saiu vencedor na sua segunda eleição, porém durante o pleito eleitoral ouviu elogios e críticas, comuns em época de eleição. A população de Caraúbas deu mais uma chance ao gestor local e esperamos que o mesmo possa aproveitar mais essa oportunidade.

Paulo Brasil: Já o candidato oposicionista local, não ganhou mais também não perdeu nada, de acordo com informações extra oficiais o mesmo deve ser acomodado no gabinete do Dep. Federal João Maia (PR), líder estadual do partido ao qual o, hoje Edil, se candidatou. Em termos políticos, o futuro irá dizer qual será a consequência do pleito eleitoral de 2012 para o político P.B., pois sabe-se que os 7200 votos obtidos por ele, não são deles, nem 10%.

Eugênio Alves: Aí o cidadão que provou que tem liderança política, pois conseguiu fazer o que muitos duvidaram ser possível, fazer decolar a candidatura de Paulo Brasil. Sabe-se também que os 7200 votos obtidos pela oposição, não são seus, porém o "Fanatismo dos azuis" são pela pessoa "Eugênio". O ex gestor saiu fortalecido em termos políticos, entretanto irá enfrentar problemas futuros, dado o racha com Ferreira Jr.

Oposição caraubense: Ninguém irá conseguir agradar a todos, é um fato irreal em termos gerais e sobretudo na política, assim o bloco da oposição local demonstrou força, porém sofreu uma derrota, fato que a alguns pleitos não acontecia, assim um projeto sólido em 2016 é algo importante para a oposição que aí está, continuar viva.

Decepção: Alguns nomes decepcionaram, tanto em termos de candidatos, como apoiadores e outro que eram tidos como lideres ou aspirantes a líder. Após o sufrágio, alguns nomes estão fadados ao ostracismo políticos, candidatos que se quer chegaram aos 150 votos, nomes que eram cotados para serem candidatos, inclusive a prefeito (a) e ficaram esquecidos, nomes que tinham marcas em eleições passadas e nem foram sentidas as suas faltas, assim a eleição de 2012, foi o término de carreiras políticas "antigas" e o término de carreiras políticas embrionárias.

"Briga" Alves e Ferreira: Caraúbas vai voltar a viver essa disputa, de fato e de direito, ao menos é o que a ressaca das urnas está apontando. O clima que era um dos melhores até o domingo (07), até as 17h, entre os líderes, azedou após a apuração dos votos. Enquanto um lado fala em traição o outro alega quebra de compromisso, um fato é nítido até o momento, a relação entre Eugênio e Ferreira voltou a ser de adversários de verdade, mais de verdade mesmo.

Um acordão mal elaborado: Desde quando surgiu os primeiros rumores do acordão entre "Alves" e "Ferreiras", onde parte da população, se revoltou, não acreditou, aceitou, enfim ficou dividida, os condudores desse acordo político, sempre se esconderam da verdade dos fatos, a verdade é que existia um acordo selado entre os dois principais líderes da situação e da oposição local, porém o mesmo, ao meu ver, deveria ter sido feito de outra forma. Explico, o acordo era para ter sido esclarecido, a população aceitando ou não, caso o município tivesse passado a ganhar com essa "União", a maior parte da população iria entender. Eugênio deveria ter sido uma célula do governo Ademar em Brasília, e ter declarado apoio a Ademar e ter colocado a sua indicação na chapa situacionista, com um compromisso de apoio futuro em 2016. Com tudo não foi isso que aconteceu, e devido a isso, todos ajudaram, todos cumpriram "até" certo ponto, Eugênio foi importante para a vitória de Ademar, Ferreira cumpriu parte dos compromissos assumidos e hoje ambos os lados dizem tudo ao contrário e a "Briga" política irá continuar. São por essas e outra que continuo dizendo "O acordão foi mal conduzido".

Novinho Praxedes: Apesar de não ter sido o Edil mais votado do pleito passado, sai muito fortalecido das urnas. Com uma campanha estruturada em termos gerais, mola IMPORTANTE para a vitória de Ademar/Ivanildo, Novinho demonstrou que tem fôlego político para pensar e ir mais longe na política local. Dado a sua postura na campanha deve ser o novo presidente da câmara, sem maiores problemas, essa postulação se deve, além do apoio de Ferreira, as ajudas que Novinho deu a alguns vereadores eleitos e não durante o pleito.

Juninho Alves: Com a ajuda importante do irmão Eugênio, conseguiu eleger a sua mulher vereadora, fato que não era novidade para ninguém, o fato que se merece destacar e que Juninho passou a campanha todinha ouvindo que ele era para ter sido o candidato, nem mesmo terminou o pleito e já se escuta, "Juninho vem aí", assim é um nome "Doce", a situação tem que está sempre aleta com esse cidadão, chamado Juninho Alves.

Ivanildo do PT: Esse se deu bem de verdade! Saiu de uma campanha suicida a prefeito, passou por uma campanha derrotada para vereador, articulou, e vice-versa, uma candidatura a prefeito (a) que morreu antes de nascer, escapou de ser vice da oposição e foi uma célula importante, dado o contexto, para a vitória da sua chapa, Ademar/IVANILDO. Como diria seu irmão, "Não morreu no final do filme", ao contrário. Ivanildo pode ser um membro importante do governo Ademar, sobretudo em Brasília, porém não podemos esquecer o seu histórico, faz de tudo para eleger os prefeitos e depois rompe, imagine agora com 13!

Ferreira Júnior: Esse é sem dúvida o grande vencedor desse pleito, com o seu estilo, até meio louco, conseguiu em conjunto com o seus blocos reeleger Ademar em Caraúbas e eleger Haroldo Ferreira em Felipe Guerra, assim sem comentários em termos de vencedor, porém em termos de organização deve fazer uma reflexão, apesar de ter vencido e bem é importante realizar uma análise de tudo que foi feito, o que foi positivo se deve continuar e deixar de lado os erros que existiram, assim fala em Ferreira é fala em vitória, não sei até quando, mais hoje é assim. Após a eleição de 2012, Ferreira está tendo seu nome cotado para disputar uma vaga no legislativo estadual, mesmo negando esse fato, o olho dele brilhar mais forte quando se fala nesse assunto, e se tratando de Ademus Ferreira Júnior, o articulador-comandante Ferrerinha, quem é que vai duvidar de alguma coisa! Eu não duvido!

E o Liderança em Debate: Esse mais uma fez saiu do ar após uma eleição, AÍ MATA PAPAI!

* Eleição da câmara municipal de Caraúbas...

Seguem os diálogos entre os vereadores eleitos no último dia 07 de outubro, na pauta eleição do novo presidente.

O quadro de momento continua 7 vereadores da situação e 4 da oposição, assim sendo o nome mais citado é o do vereador Novinho Praxedes (PMDB), que já conta com diversos apoios.

Porém eleição de presidente de câmara é sempre algo SUPRIENDENTE ou NÃO!

* Só faltava essa: Bandidos de paletó assaltam Banco do Brasil do Alecrim.

Quatro assaltantes assaltaram uma agência do Banco do Brasil, na avenida Presidente Bandeira entre as 9h50 e 10h10 da manhã de hoje (05). Os bandidos, que adentraram a agência usando paletós, chegaram em um carro Siena de cor prata e levaram armas de seguranças e malotes de dinheiro do banco. Nenhum dos criminosos estava com o rosto coberto.

De acordo com informações da Polícia Militar, os bandidos, ao chegarem à agência, renderam os três vigilantes do local e levaram as armas que cada um portava. Para ter acesso à parte interna do banco os bandidos quebraram os vidros da agência com pedras ou objetos semelhantes. Lá, os criminosos levaram malotes de dinheiro deixados pelo carro forte para que o banco funcionasse normalmente após o feriado. 
Assalto a Agência do Banco do Brasil na avenida Presidente Bandeira com a Jaguarari no Alecrim.
Assalto a Agência do Banco do Brasil na avenida Presidente Bandeira com a Jaguarari no Alecrim.
O valor do dinheiro roubado ainda não foi confirmado. Contudo, as informações preliminares dão conta de que os criminosos não levaram pertences dos clientes da agência bancária, que também não sofreram agressões.

* Efeito da seca:Dilma anuncia prorrogação do programa Bolsa Estiagem.

A presidente Dilma Rousseff (PT) disse, na manhã desta segunda-feira (5), que o Governo Federal vai prorrogar por mais dois meses o pagamento do Bolsa Estiagem em razão da seca prolongada na Região Nordeste e no norte de Minas Gerais. Segundo o G1, cada família beneficiada pelo programa vai receber mais duas parcelas de R$ 80, totalizando um custeio de R$ 560, e não mais de R$ 400.

Dilma destacou ainda que os agricultores cadastrados no Garantia Safra também vão receber ajuda extra do Governo Federal em razão da estiagem. A eles serão pagas duas parcelas a mais do benefício, cada uma no valor de R$ 136. “Com mais dois meses de Bolsa Estiagem e dois meses de Garantia Safra, estamos garantindo renda para 1,5 milhão de famílias que vivem no Semiárido”, avaliou.

Outra medida anunciada pela presidente trata da prorrogação, até fevereiro de 2013, da venda de milho a um preço mais baixo que o do mercado para pequenos agricultores. Além disso, Dilma informou que a Operação Carro-Pipa será ampliada – o Exército Brasileiro foi autorizado a contratar mais 906 carros-pipa, que vão se juntar aos 4.082 em serviço. Os Estados, segundo ela, também receberam recursos e já contrataram mais de dois mil carros-pipa.

* Câmara pode votar royalties, fim da taxa de telefonia e marco civil da internet.

Acamaradosdeputados distribuição dos royalties do petróleo (PL 2565/11) é o destaque da pauta do Plenário nesta primeira semana de novembro. Outros cinco projetos de lei, constantes da lista divulgada pelo presidente Marco Maia, também estão na pauta, entre eles o fim da taxa básica de telefonia (PL 5476/01), que lidera o ranking de participação popular entre as propostas que os cidadãos esperam ser votadas.

Marcada para esta terça-feira (06), a votação do substitutivo do deputado Carlos Zarattini (PT-SP) ao texto do Senado sobre a distribuição dos royalties começará em sessão extraordinária a partir das 9 horas, segundo acordo entre os líderes partidários.

As mudanças atingem tanto o petróleo explorado por contratos de concessão quanto aquele que será extraído do pré-sal sob o regime de partilha. No caso dos contratos de concessão, as mudanças atingem apenas o petróleo extraído da plataforma continental (mar), seja da camada pré-sal ou não.

Os estados produtores passarão de 26,25% do montante para 21% em 2013 e 11% em 2020. Os municípios produtores ficarão com esses mesmos percentuais. Hoje, eles também têm 26,25% dos royalties distribuídos.

Dois fundos especiais distribuirão, segundo os critérios do FPE e do FPM, 15% desses royalties, em 2013, a todos os estados e a todos os municípios, respectivamente. Em 2020, o índice chega a 27,5%.

Em seu relatório, Zarattini especifica que 100% dos recursos obtidos com esses fundos deverão ser empregados na educação.

* Médicos do RN organizam manifestação contra o governo para o dia 15/11.

Reunidos em assembleia no último dia 30, os médicos do Estado em greve definiram algumas ações a serem realizadas nas próximas semanas. A principal consiste em uma manifestação marcada para o dia 15 de novembro. A principal motivação da categoria é o não avanço das negociações com o governo.

Os médicos pretendem reunir os profissionais da saúde e estudantes numa manifestação pública pela saúde e Fora Rosalba. Durante o ato haverá uma caminhada saindo da Associação Médica até o Walfredo Gurgel e um enterro simbólico do governo estadual.

A categoria pretende ainda solicitar uma audiência pública na Assembleia Legislativa e formar uma comissão de médicos para realizar visitas nos hospitais e unidades de saúde.

Durante a assembleia, o presidente do Sinmed, Geraldo Ferreira, pediu que os médicos fossem firmes diante da difícil situação enfrentada pelo movimento, que já alcança os 6 meses. "Precisamos ter firmeza e nos segurarmos na luta. Não podemos voltar atrás numa situação crítica como a da saúde", afirmou.

Amanhã, dia 06, às 19h acontece nova assembleia de greve, na qual deverão ser discutidos os detalhes da manifestação.
Fonte: SinMed/RN

* Gabaritos oficiais Enem serão divulgados até esta quarta-feira.

Os gabaritos oficiais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012 serão divulgados até esta quarta-feira (07). Os participantes poderão acessar os resultados individuais do exame nos portais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) - organizador das provas -, e do Ministério da Educação (MEC). 
 
Na conferência das respostas, os candidatos deverão estar atentos às cores dos respectivos cadernos das provas realizadas neste sábado (03) e domingo (04).

* Aí mata de verdade: Proposta do Governo Dilma de compensação das quedas do FPM poderá não agradar a maioria das prefeituras.

A informação foi publicada por Ilimar Franco, no Panorama Político do jornal O Globo. A proposta de compensação do Governo Federal poderá não agradar muito aos prefeitos, principalmente os que vão deixar as prefeituras em dezembro próximo. Eis nota na íntegra:

“A presidente Dilma irá apresentar no fim do mês proposta de ajuda financeira a todos os prefeitos, como forma de compensar as perdas que tiveram por causa da crise financeira e, principalmente, pelas desonerações promovidas pelo governo para incentivar o consumo, caso da redução do IPI sobre carros, linha branca e móveis. Duas ideias estão sendo discutidas nos ministérios a pedido de Dilma: a renegociação das dívidas das prefeituras com o INSS, reduzindo juros, multas e mantendo vantagens dadas em parcelamentos anteriores, e o aumento do limite de endividamento, como o Ministério da Fazenda fez recentemente com os estados”.