sábado, 5 de janeiro de 2013

* Prefeitura Municipal de Caraúbas fará recadastramento de todos os seus servidores.

A municipalidade local já deu início a um amplo levantamento dos seus quadros de servidores, na tarde de ontem (04), o secretário interino de administração, Gilvandro Fernandes, solicitou de todos as secretarias um relatório contendo toda grade de servidores.

Após a coleta desses dados terá início um recadastramento de todos os servidores. A ideia do prefeito Ademar Ferreira (PMDB), é evitar que funcionários fantasmas continuem existindo na prefeitura de Caraúbas.

Com o recadastramento, o governo Ademar irá diminuir o número de contratos e cotar o pagamento de servidores não cadastrados ou sem atividade produtiva junto a população, "Não é justo uma imensa maioria trabalhar e algumas pessoas ganharem sem receber, a partir de agora isso vai acabar. Quem não trabalhar não irá receber, essa será a prática a partir de agora", finalizou Ademar.
Cúpula administrativa vai coibir os servidores fantasmas.

* Pior seca em 50 anos no Nordeste esvazia reservatório de hidrelétricas.

O Nordeste está sofrendo a pior seca em décadas. A estiagem esvaziou os reservatórios de usinas hidrelétricas, em uma região propensa a apagões, e ameaça o crescimento econômico em uma das fronteiras agrícolas brasileiras. A falta de chuva prejudicou fortemente as culturas de milho e algodão, deixou gado a morrer de fome em pastos secos e reduziu em cerca de 30% a colheita de cana na região, responsável por 10% da produção do país.

Milhares de pequenos agricultores têm visto os seus meios de subsistência definhar nos últimos meses, com carcaças de animais abandonadas em algumas áreas que não registram quase nenhuma chuva há dois anos. “Estamos vivendo a pior seca em 50 anos, com consequências que podem ser comparadas a um violento terremoto”, disse Eduardo Salles, secretário de Agricultura da Bahia.

No fim de dezembro, as barragens no Nordeste tinham, em média, apenas 32% da capacidade, de acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS). Isso coloca os reservatórios abaixo dos 34% que o ONS considera suficientes para garantir o abastecimento de energia. Com os níveis das represas caindo, a Petrobras importou cerca de quatro vezes mais gás natural liquefeito (GNL) nos primeiros nove meses de 2012 para abastecer usinas térmicas, que são usadas como alternativa às hidrelétricas.

* Prefeitura de Caraúbas disponibiliza novos contatos.

Pensando em melhorar ainda mais a comunicação com a imprensa, órgãos governamentais, ONGs e a população como um todo o setor de comunicação da Prefeitura Municipal de Caraúbas, a pedido do prefeito Ademar Ferreira está disponibilizando seus canais de contatos e informações.

Confira:

Telefone: 084xx3337-2263/2025
Twitter: @pmdcaraubas
Celulares da assessoria: 084xx9652-0720/9153-2744/9973-8404

Estaremos sempre à disposição de todos para manter a população informada e ajudar na solução de problemas vindouros e demais esclarecimentos.

Agradece a assesssoria.

* “Vou ter que começar tudo do zero”, diz novo prefeito de Felipe Guerra.

O quadro administrativo na Prefeitura Municipal de Felipe Guerra era pior do que se imaginava inicialmente. No primeiro dia de trabalho, o novo prefeito Haroldo Ferreira, do PSD, precisou dedetizar o prédio da Prefeitura e tomou um susto ao procurar saber das contas do município na Agência do Banco do Brasil, em Apodi. “Tem 1.700 cheques da Prefeitura sem fundos circulando na região, somente do Banco do Brasil”, diz o novo gestor.

“Vou ter que começar tudo do zero”, diz novo prefeito de Felipe Guerra, lembrando que vai responsabilizar os ex gestores judicialmente pelos desmandos e assim tentar, junto ao Poder Judiciário e fiscalizador, limpar o nome da Prefeitura de Felipe Guerra.

Sob intervenção, o Ministério Público Estadual, representado no ato pelo promotor Silvio Brito conseguiu fazer um cronograma para pagar os servidores municipais, contas de energia e comprar medicamentos para o hospital do município. Só que o último prefeito interino, o vereador Reginaldo Luciano, não aceitou fazer o processo de transição, restando para o novo prefeito corrigir, segundo documentos, o descaso administrativo deixado pelo ex-prefeito.

Haroldo decretou estado de emergência administrativa por 60 dias, suspendeu todos os contratos e empenhos e determinou a realização de um censo funcional no quadro de servidores do município. Não havia nenhum documento que norteasse a funcionalidade das secretarias e os programas de computadores nos poucos computadores que restaram na sede da Prefeitura foram deletados. “Já registramos queixa na Polícia”, disse o prefeito. 

A dedetização, segundo Haroldo, foi necessária e era urgente, pois existe uma grande quantidade de cupins destruindo portas, caibros, linhas e até divisórias das salas dentro da Prefeitura. O teto pode cair. Num prédio anexo da Prefeitura, foi encontrado os documentos escolares de centenas de estudantes nas últimas décadas sendo consumido por cupins.  Muitos já estão destruídos, deixando um prejuízo irreparável.

Neste mesmo ambiente, existem centenas de livros didáticos jogados num canto, que deveriam ter sido entregues aos estudantes do município nos últimos oito anos. “A nossa principal preocupação aqui é garantir a funcionalidade do básico nos serviços de saúde e principalmente fazer um esforço para começar o ano letivo”, explica o prefeito Haroldo Ferreira conversando com o assessor jurídico Júlio César.

“Vamos ter que começar o zero”. Com orientação da Assessoria Jurídica, o prefeito Haroldo Ferreira disse que o primeiro passo para uma nova gestão será aprovar um projeto de lei na Câmara Municipal para uma reforma administrativa. “Em seguida vamos fazer um censo no corpo funcional da Prefeitura. Precisamos saber quem trabalha aqui para fazer uma folha de pagamento, já que a que a que existia deletaram”, explica. 

Por orientação do assessor jurídico, o gestor também vai abrir sindicância interna na Prefeitura para responsabilizar e até reaver os recursos pagos indevidamente as pessoas que não trabalhavam. O Ministério Público Estadual já apura os outros casos ainda mais graves, onde constavam nomes de pessoas na folha de pagamento mensal da Prefeitura, mas que esta pessoa não recebia estes valores, como é o caso da ex-prefeita de Rodolfo Fernandes.

Sobre as contas bancárias e os cheques sem fundos e cancelados, Haroldo Ferreira e o secretário de Administração Antônio Heronildes e o assessor jurídico Júlio César disseram que aguardam o relatório da Caixa Econômica, BNB e Bradesco para se ter uma noção do que foi feito pelo ex-prefeito e como será corrigido. “Já temos informações de que ele emitia cheques que somados chegavam a um valor de R$ 500 mil e depois cancelavam todos”, disse.

Transporte – A lista veículos da Prefeitura foi entregue num pedaço de papel. São três ônibus escolares doados pelo Governo Federal, dois tratores e duas ambulâncias sem funcionar. “Não tem nem bicicleta para o prefeito ir assinar documentos em Apodi, Mossoró ou Natal”, reclama o prefeito Haroldo Ferreira. Ele disse que parte do patrimônio do município foi doado pelo ex-prefeito a pessoas e instituições da região com aval da Câmara Municipal.
Fonte: Jornalista Cezar Alves

* Wandilson Ramalho foi convidado a assumir a secretaria de administração.

O colunista Wandilson Ramalho foi convidado pelo prefeito Ademar Ferreira (PMDB), para assumir a secretaria de administração da municipalidade local.

O mesmo irá realizar uma consulta a poder judiciário onde é lotado, porém demostrou interesse em aceitar o convite.

A secretaria de adminstração está funcionando com secretário interino, Gilvandro Fernandes, essa situação deve ser solucionada até o início da próxima semanWandilson Ramalho.

* Prefeitura de Caraúbas começa realizar manutenção na iluminação pública.

A municipalidade local vinha recebendo inúmeras reclamações por parte da população, no tocante a iluminação pública. No decorrer dos últimos meses muitas ruas de Caraúbas estão as escuras.

Sendo sabedor dessa complicação e tenho o bem estar da população em primeiro lugar, o gestor Ademar Ferreira providenciou um amplo serviço de manutenção na parte de iluminação das zonas urbana e rural.

O serviço teve início no dia de ontem (04), e seguir sem ter data limite para o término.

Na próxima segunda feira (07), estará chegando um caminhão munck na cidade, para ser repostas todas as lâmpadas queimadas na avenida principal (RN 117), “Estamos solicitando uma manutenção imediata, nas lâmpadas da cidade, determinei que essa problemática fosse resolvida, o mais rápido possível”, comentou Ademar.

De acordo com o setor financeiro e da infraestrutura do município serão investidos mais de R$ 10 mil reais nesse primeiro momento, “Estamos atendendo uma determinação do prefeito Ademar e nos próximos dias tudo estará normalizado e as lâmpadas serão repostas”.

Além de determinar essas ações emergenciais, Ademar cobrou dos seus auxiliares uma atenção maior nesse sentido, “Essas lâmpadas serão reposta frequentemente a partir de agora” esse foi o recado do prefeito aos seus auxiliares.
Iluminação da RN 117 será reposta...
Homens irão trabalhar a partir de segunda feira.

* Professor envolvido em acidente que vitimou adolescente no RN divulga nota.

Apesar de toda a dor, angústia e tudo o mais e da própria dificuldade de organização mental, visto que estou à base de tranquilizantes desde o acontecido, venho trazer alguns esclarecimentos, motivado pelas informações erradas que vêm sendo veiculadas nos blogs e similares.

Como disse Aristóteles, “uma mente perversa é capaz de deturpar até o que há de mais belo e bom”, imagine quando se trata de uma desgraça como essa... Se não foram perversos, foram no mínimo levianos... Em nenhum momento eu fugi ou abandonei o local, como falaram.

No exato momento do acidente fui ajudado por um camarada que parou no local, ao qual pedi que levasse Vanessa (que estava consciente e andando) ao hospital o mais rápido possível e que chamasse a ambulância – já que percebia que Angélica teria que ser atendida por profissionais, por ser um caso bastante grave. Eu fiquei sozinho no local até que a ambulância chegasse, quando chegou também a autoridade policial local, amigos e etc. Vanessa foi conduzida a Mossoró, sendo acompanhada por um enfermeiro que inclusive é um grande amigo, por minha tia e sua filha, minha prima.

Quando os profissionais da saúde chegaram ao local constataram o falecimento de Angélica. Eu permaneci no local. Estando em estado de choque fui colocado no banco do carro de um amigo e me foi feito os primeiros atendimentos e tentativa de que me acalmasse. Logo após fui conduzido ao hospital da cidade, onde dei entrada regularmente e fiquei em observação.

Na ocasião fui consultado pela delegada regional, que fez algumas perguntas. Logo depois foram colhidas minhas informações pessoais pelo Sargento responsável pelo policiamento da cidade. Em nenhum momento me ausentei, como foi veiculado. Peço aqueles que me são próximos e demais pessoas que lerem esse comunicado que se puderem repassem essa notícia.

* Polícia Federal investiga espionagem...

A Polícia Federal abriu investigação para apurar uma suposta rede de espionagem ilegal com atuação em Brasília que teria políticos e autoridades entre seus alvos. Suspeita-se que até a presidente Dilma Rousseff tenha sofrido tentativa de bisbilhotagem do grupo, além de senadores e deputados.

As investigações foram abertas a partir de informações e documentos entregues ao Ministério Público Federal e ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, pelo deputado federal Miro Teixeira (PDT-RJ), em julho passado.

Os documentos incluem extratos de ligações telefônicas e trocas de e-mail entre parlamentares do Congresso Nacional. Miro disse ao Estado que recolheu o material de um araponga, que se sentira ameaçado e estaria agora sob proteção policial.

* Governo decide não prorrogar calamidade.

Seis meses depois do decreto de calamidade na saúde e do anúncio do Plano de Enfrentamento para os Serviços de Urgência e Emergência do Rio Grande do Norte., a  governadora Rosalba Ciarlini apresentou, ontem, um balanço das ações, que avaliou como sendo positivo, e anunciou que o estado de calamidade não será prorrogado. Em entrevista coletiva, a governadora afirmou que "ainda há muito a ser feito, mas já é possível perceber as melhorias no atendimento na rede estadual".

Dentre as ações executadas, Rosalba Ciarlini destacou a reforma do Hospital Giselda Trigueiro que passa a contar com sete leitos de UTIs para doenças infectocontagiosas, e ainda a reforma de outros 11 hospitais do Estado. Com o Plano de Enfrentamento foi possível a aprovação do MS para a liberação de recursos do Governo Federal no valor de R$ 33 milhões e mais 12 milhões para investimentos nos hospitais. Em contrapartida, o Governo do Estado, com recursos do tesouro estadual, repassou cerca de R$ 18 milhões  para as obras estruturantes e o abastecimento nas unidades hospitalares nesses seis meses.