terça-feira, 8 de janeiro de 2013

* Confirmado gravação do DVD de Pedaga de Luxo...

* MEC divulga nova lista de cursos do ensino superior com nota ruim no CPC.

A Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do Ministério da Educação (MEC) publicou na edição de hoje (8) do Diário Oficial da União lista com 38 cursos de graduação com resultado insatisfatório no Conceito Preliminar de Cursos (CPC) de 2011. Esse conceito avalia o rendimento dos alunos, a infraestrutura e a equipe de profissionais de educação.

Os 38 cursos estão espalhados por 21 instituições de ensino, entre institutos federais de educação, centros universitários e universidades federais. Essa é a primeira vez que os cursos apresentam nota ruim e agora ficam sujeitos a medidas de regulação e supervisão para melhorar a avaliação. Também há perda de autonomia de ações, como a ampliação do número de vagas.

Todos os cursos da lista tiveram conceito inferior a 2 no CPC relativo a 2011. Para os cursos com conceito inferior a 3, o MEC estabelece exigências como assinatura de um plano de melhorias com medidas a serem tomadas a curto e a médio prazo. O CPC concede notas de 1 a 5.

Em 60 dias, os cursos mal-avaliados devem passar por reestruturação no corpo docente com ações como investimento em qualificação e dedicação integral dos docentes. Em 180 dias, deve ser feita a readequação da infraestrutura e do projeto pedagógico.

O plano de melhoria é acompanhado por uma comissão de avaliação que fará relatórios bimestrais sobre a evolução das correções determinadas pelo MEC. Caso as medidas não sejam cumpridas, será instaurado processo administrativo que pode resultar no fechamento do curso. Além disso, os cursos e instituições com conceito inferior a 3 ficam automaticamente impedidos de oferecer o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

* Convocados da Educação devem se apresentar à Junta Médica a partir desta terça-feira.

A Junta Médica do Estado começa a receber nesta terça-feira (08), os 1.162 professores e especialistas convocados na terceira chamada do concurso da Educação. O atendimento funcionará das 8h às 17h, no Auditório Angélica Moura, da Secretaria de Estado da Educação, no Centro Administrativo, em Natal. De acordo com o cronograma, serão atendidos entre os dias 8 e 16 de janeiro, os aprovados para o polo I, de Natal, e polo II, de Nova Cruz. Entre os dias 17 e 22, será a vez dos aprovados para o polo III, de Caicó. De 23 a 25, serão atendidos os professores convocados para o polo IV, de Mossoró. E por fim, entre 28 e 31, será a vez dos aprovados para o polo V, de Pau dos Ferros. O atendimento ocorrerá apenas nos dias úteis.

Já os documentos necessários para a posse devem ser entregues das 9h às 17h, em qualquer uma das Diretorias Regionais de Educação - DIREDS, que fazem parte do polo para o qual o candidato foi aprovado. Os candidatos que não entregarem os documentos nas DIREDS, poderão fazê-lo na Coordenadoria de Administração de Pessoal e Recursos Humanos – COAPRH, da Secretaria de Estado da Educação, no Centro Administrativo. Os professores e especialistas convocados nessa terceira chamada participarão de posse coletiva no dia 4 de fevereiro e já iniciarão o ano letivo na sala de aula, em 18 de fevereiro.
Clique aqui e veja documentação necessária para a Junta Médica

* Prostitutas de BH têm aulas grátis de inglês para se preparar para a Copa 2014.

A ideia é ensinar o básico. "Fruits" (frutas), por exemplo. Mas o "vocabulário técnico", como "condom" (preservativo), também estará presente em aulas de inglês que prostitutas de Belo Horizonte terão para receber os turistas na Copa de 2014. "Elas vão aprender frutas, verduras, legumes. Mas algumas palavras a gente pode trabalhar mais, no sexo, no fetiche", diz Cida Vieira, 46, presidente da Associação de Prostitutas de Minas Gerais.

Cerca de 20 garotas de programa já se inscreveram para participar do curso gratuito, organizado pela instituição. A expectativa de Cida é que até 300 das 4.000 associadas frequentem as aulas até o final do ano. As classes de idiomas já têm local para acontecer: uma sala cedida pela Associação dos Amigos da Rua Guaicurus (zona de prostituição de Belo Horizonte).

O grupo busca professores voluntários. A vice-presidente Laura do Espírito Santo, 54 (mas "colocando muita menina de 20 no chinelo"), diz que a associação já conta com psicólogos e médicos voluntários, o que a faz acreditar que não haverá dificuldade. A ideia é que o curso dure entre seis e oito meses e que as primeiras turmas tenham início até março. A associação planeja ainda aulas de francês e italiano.

* Governo Federal deve pagar até quinta-feira o primeiro repasse do Fundo de Participação dos Estados.

O governo federal sinalizou ontem que pode pagar na quinta-feira o primeiro repasse do FPE (Fundo de Participação dos Estados), mesmo sob o risco de descumprir uma decisão do STF (Supremo Tribunal Federal). Calculado em R$ 74 bilhões para 2013, o fundo é essencial para vários Estados -no caso de oito deles, representa ao menos 40% das receitas. Mas uma decisão do Supremo de 2010 entendeu que seu atual critério de distribuição é ilegal, por ser baseado em dados desatualizados, e mandou que o Congresso aprovasse um novo sistema até 2012, o que não aconteceu.

A indicação do governo ocorreu após encontro de Luís Inácio Adams, advogado-geral da União, e do ministro interino da Fazenda, Nelson Barbosa, com o presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, para discutir o repasse. "Vamos avaliar em cima do que foi decidido pelo TCU, ver sua possibilidade de implementação. Agora, não há, de fato, nenhuma decisão", afirmou Adams.

* Candidato pode conferir primeira nota de corte parcial do SiSU.

O Ministério da Educação (MEC) divulgou à 0h de hoje (08) a nota de corte parcial dos cursos que oferecem vagas de ingresso em instituições federais através do Sistema de Seleção Unificada (SiSU). A escolha de dois cursos (podendo ser em instituições distintas) pelo estudante deve levar em conta a nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Ministério divulgará as notas de corte parciais diariamente até sexta (11), quando encerram as inscrições.

A note de corte é calculada considerando a oferta de vagas e o número de inscritos naquele curso. A disponibilização dessas parciais permite os candidatos analisar a média de corte do curso na instituição escolhida, podendo observar as possibilidades de ingresso, baseado na nota obtida na prova do Enem. Os estudantes podem mudar de curso e instituição durante o período de inscrições.

A oferta de vagas por município, instituição ou curso pode ser acessada no site do SiSU. A próxima atualização da nota de corte, de acordo com o site do sistema, será divulgada às 2h de amanhã. O MEC destaca que a nota de corte que está sendo divulgada não garante que os candidatos com nota superior ingressem na instituição, ela serve apenas como referência.