sábado, 30 de março de 2013

* Para você rir...

Um cara entra numa farmácia pra comprar camisinhas. O farmacêutico diz que tem embalagens de 3,9 e 12 e pergunta qual ele quer. Bom, eu to saindo com essa garota tem um tempão e ela e muito quente. Eu quero camisinhas porque essa noite e a noite. Eu vou almoçar com os pais dela e depois nos vamos sair. Eu to sentindo que eu vou ter sorte hoje. Depois que eu comer ela uma vez, ela vai querer mais e mais, então, me de 12. O farmacêutico da as camisinhas e o cara vai embora. De noite, ele senta na mesa de jantar com a sua namorada e os futuros sogros Ele pergunta se pode rezar e todo mundo concorda. Começa rezar, mas continua rezando um tempão . A namorada chega pra ele e diz: -Você nunca me disse que você e religioso. -Você nunca me disse que seu pai é um farmacêutico.
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
Certo dia um rapaz seguia com seu carro por uma estrada mineira, quando foi abordado por um homem armado até os dentes. Então o tal homem foi lhe dizendo: - Saia do carro! - Mas espera... o que esta acontecendo? - indaga o rapaz aflito. - Fique quieto e abaixe as calças e se masturbe! - Mas... - 'Mas' nada! Agora! - grita o homem, muito bravo. Então o rapaz meio, teve que se masturbar até chegar ao orgasmo. - E aí? - perguntou a vítima - Tá bom agora? - De Novo! - diz o tal homem - O que??? Você esta maluco? Eu não... - Vai logo, eu estou ordenando! O rapaz se masturbou de novo e a 'tortura' prosseguiu por mais seis orgasmos. Finalmente, completamente sem forças, o moço disse: - Eu não agüento mais! Faça comigo o que quiser, mas não consigo mais pensar em nada relacionado a sexo! O homem diz: - Você tem certeza? - Claro! Não agüento mais! Foram seis vezes, uma atrás da outra! Estou acabado! - Muito bom... - Diz o homem sorrindo. Ele se vira para o matagal atrás dele e grita: - LOLITA! Pode vir aqui, minha filha! Agora está seguro pra você pegar uma carona com este senhor até Pirapora!

* Nota de esclarecimento do Governo do RN.

Sobre as recentes reportagens publicadas comparando os salários dos professores das redes estaduais de todo o país, a Secretaria de Estado da Educação do Rio Grande do Norte esclarece que:

1. é difícil encontrar um parâmetro para elaborar uma tabela correta de comparação dos vencimentos entre estados, uma vez que as cargas horárias diferem de um ente federativo para outro. As jornadas variam entre 20h, 25h, 30 e 40 horas. Outro ponto que interfere na fiel comparação é que muitos estados agregam ao valor dos salários alguns benefícios, que não estão incorporados ao vencimento real e que também variam de estado para estado.

2. é preciso entender que não é possível fazer a comparação de um estado que paga determinado valor por quarenta horas de trabalho, embutindo no piso a remuneração por benefícios de carreira, com um estado como o Rio Grande do Norte, que tem uma carga de 30 horas semanais, paga o piso integral no vencimento, sem embutir os valores de benefícios.

3. tantas peculiaridades dão margem para que os dados sejam utilizados da maneira que melhor convier aos interessados, gerando injustiças, divulgação de informações inverídicas e, por vezes, levianas. Portanto, para uma real comparação, sugerimos a utilização de um método que trate os vencimentos igualitariamente, no caso, o valor da hora atividade.

4. como os dados apresentados pela tabela publicada no site da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, não estão atualizados (são de agosto de 2012) e foram repassados pelos sindicatos regionais,  sem o devido cuidado com a atualização da informação, iniciamos uma pesquisa junto às secretarias estaduais de educação de todo o país, buscando os valores reais, estado por estado.

5. como exemplo de estado que paga menos do que o Rio Grande do Norte, podemos citar o Rio Grande do Sul. Os professores gaúchos, com nível médio, recebem um piso de R$ 977,05, por 40 horas de jornada. Já os professores graduados, recebem um piso de R$ 1.807,54, pelas 40 horas semanais. De acordo com esses números, no Rio Grande do Sul, os professores de nível médio recebem R$ 6,10 pela hora atividade e os graduados, R$ 11,30.

6. no Rio Grande do Norte, onde a carga horária é de 30 horas semanais, o valor do piso pago ao grupo remanescente de 700 professores com nível médio é de R$ 1.175,27, enquanto o professor graduado, em início de carreira, recebe R$ 1.644,00. Logo, o valor da hora atividade paga ao professor potiguar de nível médio é de R$ 9,7, e ao professor graduado é de R$ 13,7, valores bem acima dos que são pagos no Rio Grande do Sul. Essa é apenas uma das comparações que podemos fazer com outros estados que pagam menos que o Rio Grande do Norte.

7.a Secretaria de Estado da Educação reforça que o reajuste acumulado de 76,8% (2011: 34%; 2012: 22,22%; 2013: 7,97%) concedido pelo atual governo aos professores é o maior da história recente do Estado. Para comprovar, basta que os professores comparem seus contracheques entre setembro de 2011 e janeiro de 2013. Enfatiza, ainda, que não reajustou apenas o valor do piso, mas aumentou na mesma proporção, os salários de todos os professores, independente dos níveis e tempo de serviço.

8. ressaltamos, também, que nesse governo, os professores voltaram a receber benefícios represados há mais de 10 anos, como pecuniárias, quinquênios, aposentadorias, promoções verticais e horizontais, numa política de valorização dos educadores que o Estado tem a intenção de dar continuidade. Apesar dos avanços, a Secretaria de Estado da Educação reconhece que ainda é preciso fazer mais, valorizar mais, para que o professor sinta-se cada vez mais estimulado a contribuir para o desenvolvimento da Educação, pois é na escola que as grandes mudanças acontecem. As perspectivas são animadores.

Natal, 28 de março de 2013.

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Estado da Educação do Rio Grande do Norte.

* As críticas da deputada Sandra Rosado ao Governo Rosalba.

A deputada federal Sandra Rosado (PSB) mostra-se decepcionada com o governo da também mossoroense Rosalba Ciarlini (DEM). Ela considera o governo “atrasado e conservador” e diz que não existem resultados positivos em setores como saúde e segurança pública. Nesta entrevista exclusiva a ´O Jornal de Hoje, Sandra Rosado fala sobre Reforma Política e um projeto de sua autoria aprovado na Câmara Federal que beneficiará idosos de todo o País. Sobre o problema da seca a deputada do PSB entende que o governo “tem sido negligente”, apesar da ajuda que tem recebido do Governo Federal. Segue a entrevista:
 
Sobre a avaliação do Governo Rosalba Ciarlini, Sandra Rosado disparou: "É um governo atrasado e conservador. Distante do que exige a população. Só se fala em reforma e continua tudo do mesmo jeito. O atual governo não tem tido resultados na saúde e segurança pública por exemplo. Mesmo com o Governo Federal tendo ajudado muito ao Rio Grande do Norte, não estamos vendo resultados. Lamento muito que isto esteja acontecendo", disse.

* Para pensar...

"Encerrando Ciclos

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final. Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos - não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.

Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação?
Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país?
A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?

Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus amigos, seus filhos, sua irmã, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.

As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem. Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração - e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará.

Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é".
Gloria Hurtado.

* Equipe da vigilância Sanitária vistoriou comércios caraubenses.

A equipe da vigilância sanitária caraubense, acatando solicitação do prefeito Ademar Ferreira e da secretária de saúde Juliana Carlos, visitou 16 estabelecimentos comerciais, na oportunidade os fiscais Melke e Gileltom, coordenados pelo enfermeiro Rafael Eduardo entregaram aos comerciantes a portaria que solicitava a retirada do produto ADES do lote AG, na mesma segue orientações para retirada do produto para posterior análise, dado a urgência da determinação.

Dos 16 comércio fiscalizados, apenas 05 comercializavam ADES, neste estabelecimento foram vistoriados 270 produtos e nenhuma constava irregularidade.

A vigilância sanitária se coloca a disposição da população caraubense para maiores informações sobre esse e outros assuntos.

A população também pode ajudar na fiscalização é só verificar nos produtos ADES, abaixo do prazo de validade tem o lote, está proibido de ser comercializado o lote AG, os demais estão liberados.
 Comércios foram fiscalizados...
Equipe da vigilância sanitária...
ACPMC.

* Uma ótima opção de lazer...