quinta-feira, 13 de junho de 2013

* Bom fim de noite...


ensaio sensual da juju do programa panico selvagem

* Aeroporto Internacional de São Gonçalo vai se chamar “Governador Aluizio Alves”.

A comissão de Cultura da Câmara dos Deputados aprovou o nome de “Governador Aluizio Alves” para o aeroporto internacional de São Gonçalo do Amarante. O empreendimento, em construção, na região metropolitana de Natal, tem inauguração prevista para a Copa de 2014. O nome do novo aeroporto é uma homenagem ao jornalista, ex-governador do Rio Grande do Norte, deputado federal e ministro Aluizio Alves.

A proposta foi relatada na comissão de Cultura pelo deputado Raul Henry (PMDB-PE). O relatório foi aprovado em votação simbólica pelos membros da comissão presentes na sessão. Parecer semelhante já havia sido aprovado na comissão de Viação e Transportes, onde a relatoria foi do deputado Fábio Ramalho (PV-MG). O projeto ainda vai tramitar na comissão de Constituição e Justiça antes de seguir para o Senado.

A proposta é do deputado Henrique Eduardo Alves, atual presidente da Câmara e filho do ex-governador. Para o deputado Henrique Alves, ao justificar sua proposição, “o aeroporto de São Gonçalo do Amarante é uma obra fundamental, um marco para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte. Representa para o povo potiguar uma arrancada no crescimento só vista na gestão modernizadora de Aluizio Alves, eleito governador em 1960. Um político a frente de seu tempo”, argumenta o deputado.

* Ponto Eletrônico: Sistema estará implantado em 60 dias.

A vinculação do ponto eletrônico à folha de pagamento dos funcionários da Secretaria Estadual de Saúde Pública, que passa a valer a partir desse mês, deve está implantado e funcionando em todas as unidades da rede em mais 60 dias. A previsão é feita pela Subcoordenadoria de Recursos Humanos da Sesap, que admite a necessidade de ajustes para ampliação da cobertura e regulamentação.
 A instalação das máquinas que fazem a leitura biométrica foi iniciada em abril do ano passado. Boa parte funciona, mas algumas estão quebradas e exigem reparo 
A instalação das máquinas que fazem a leitura biométrica foi iniciada em abril do ano passado. Boa parte funciona, mas algumas estão quebradas e exigem reparo.

* Prefeitura de Caraúbas realiza melhorias na comunidade de Mirandas.

A prefeitura de Caraúbas, através da Secretaria de Obras e Serviços Públicos vem realizando inúmeras melhorias em nosso município, e neste sentido a Comunidade de Mirandas está recebendo melhorias nos últimos dias, no tocante as vias (Ruas) da comunidade.

 

Devido o período invernoso a referida comunidade estava necessitando de melhorias, assim com a diminuição das precipitações a municipalidade caraubense enviou máquinas para realização dos serviços de tapa buracos e recuperação das ruas da comunidade de Mirandas.


Além desses serviços, acima citados, na comunidade de Mirandas estão sendo construídos 97 banheiros advindos de um convênio entre o governo federal e a prefeitura de Caraúbas.


Os serviços de recuperação das ruas devem seguir até amanhã (14), após a comunidade de Mirandas às máquinas seguirão para região da comunidade de Borracha.

 Máquinas trabalhando...
 Material utilizado...
 Melhorias chegando...
Secretários vistoriando as obras. 
ACPMC.

* Governo Rosalba é desaprovado por mais de 80% dos natalenses.

A Pesquisa Consult também quis saber dos natalenses a aprovação do Governo Rosalba. Segundo os dados apurados pelo Instituto Consult, mais de 80% da população desaprova a gestão da Rosa.

A pesquisa ouviu 600 pessoas entre os dias 10 e 12 de junho.

Confira os números:
Aprovação-Rosalba

* Wilma segue na frente com mais de 23% para o Governo, segundo pesquisa Consult.

A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria(PSB) lidera mais uma pesquisa quando o assunto é governo do Estado em 2014. Segundo os números da Consult, se as eleições fosse hoje Wilma venceria com 23,17%.

Encomendada pelo blogue do BG o Instituto ouviu 600 natalenses, entre os dias 10 e 12 de junho.

Confira os números da estimulada para o Governo:

Governo-Cenario-1

* Líder do governo na Assembleia ressalta sintonia com PMDB e confirma candidatura de Rosalba.

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) vai se recuperar do desgaste administrativo e se credenciar para disputar a reeleição em 2014. A tese é do deputado Getúlio Rego (DEM), líder do governo na Assembleia Legislativa. Ele elogiou a postura dos aliados Henrique Alves (PMDB), presidente da Câmara dos Deputados, e Garibaldi Filho (PMDB), ministro da Previdência, que, nos últimos dias, reafirmaram a aliança dos peemedebistas com os Democratas no RN e prorrogaram para 2014 uma definição quanto à sucessão estadual. “Estão no mesmo pensamento da governadora. Está havendo uma boa coordenação desse processo. Neste aspecto, PMDB e DEM estão totalmente entrosados”, afirmou o parlamentar.

Nesta quarta-feira, o ministro Garibaldi revelou ao Jornal de Hoje que o PMDB poderá apoiar a reeleição da governadora Rosalba Ciarlini. O partido irá se reunir e decidir, no momento certo – provavelmente, no próximo ano, acatando proposta do presidente da legenda, Henrique Alves. A declaração de apoio do ministro, segundo Getúlio, é de grata satisfação. “Não podemos deixar de considerar a força do senador e ministro Garibaldi. É um político de ponta do RN, tem capital eleitoral expressivo, exerce função administrativamente a nível federal, no primeiro escalão da República, governou o Estado duas vezes, foi senador três vezes, ministro, presidente do Congresso. Um currículo rico, o que o faz ter capital eleitoral expressivo”, disse.

Na avaliação de Getúlio, a aliança entre DEM e PMDB vai depender única e exclusivamente da decisão democrática desses partidos, que na hora oportuna avaliarão o quadro. “Eu tenho muita esperança que a governadora a partir de agora dê respostas efetivas às aspirações do povo do RN, porque estes dois anos e meio foi um período de arrumação, com um fator agravante que foi a seca que assolou o RN este ano pela segunda vez, causando uma destruição econômica quase total do Estado, se constituindo numa dificuldade adicional. Mas, se formos olhar, temos muitas coisas boas acontecendo no RN. Acredito que Rosalba dará a volta por cima e se credenciará para o debate eleitoral do próximo ano”, declarou.

* Será? Garibaldi: PMDB pode apoiar candidatura de Rosalba.

O Jornal de Hoje ainda destacou que o ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), disse na manhã desta quarta-feira que o PMDB vive um momento de indefinição política no Estado do Rio Grande do Norte, mas admitiu que o partido, em vez de romper, apoie a reeleição da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). A declaração do ministro surge num momento de afirmação, por parte dos peemedebistas, da aliança entre o partido e o governo Rosalba Ciarlini.

“O PMDB pode apoiar a reeleição de Rosalba. Depende do partido se reunir, uns defenderão o apoio à reeleição, outros o rompimento. Mas isso só quando, formalmente, se consolidar o ambiente para essa decisão. E vai ganhar a maioria”, declarou o ministro. “Continuo com o entendimento de que não serei candidato”, afirmou, declarando que o apoio do PMDB à reeleição de Rosalba “é o que está na ordem do dia, se apoia, se não apoia”. Para ele, a questão “continua, não está resolvida, não é nem mal resolvida; é qual vai ser a decisão”.

* Aí mata: Henrique apoia projeto de lei que flexibiliza Ficha Limpa já para eleição de 2014.

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), declarou-se favorável ao projeto de lei complementar que prevê a flexibilização da Lei da Ficha Limpa. “Há alguns exageros”, disse o deputado em entrevista ao blog do Josias de Sousa. Ao exemplificar, afirmou que “um parecer de um tribunal de contas não pode inviabilizar a decisão sobre a candidatura de um prefeito.”

O abrandamento da Ficha Limpa está sendo discutido no contexto de uma minireforma da legislação eleitoral que a Câmara quer votar até o final do mês. A proposta elimina a possibilidade de serem considerados ‘fichas sujas’, inelegíveis por oito anos, os prefeitos, governadores e presidentes cujas contas tenham sido rejeitadas pelos tribunais de contas dos municípios, dos Estados e da União