sexta-feira, 20 de setembro de 2013

* Ministério da Saúde anuncia que meninas de 9 a 13 anos deverão tomar vacina contra o vírus do papiloma humano

O Ministério da Saúde anunciou que vai ampliar a faixa etária para a vacinação contra o vírus do papiloma humano (HPV), usada na prevenção de câncer de colo do útero . Já em 2014, meninas dos 11 aos 13 anos receberão as duas primeiras doses necessárias à imunização, a dose inicial e a segunda seis meses depois. A terceira dose deverá ser aplicada cinco anos após a primeira. Em 2015, outra faixa etária será beneficiada: pré-adolecentes entre 9 e 11 anos de idade, sem custo adicional. As aplicações serão gratuitas.

A previsão inicial, que foi divulgada em julho, era imunizar, em 2014, meninas de 10 e 11 anos; e, a partir de 2015, apenas as meninas de 10 anos. O esquema vacinal seria de três doses, com a segunda dose sendo dada um mês após a primeira, e a terceira dose aplicada seis meses após a primeira.

* Secretaria Municipal de Saúde vem desenvolvendo atividade com foco em Saúde Ocular.

A Secretaria Municipal de Saúde através dos Enfermeiros e Agentes Comunitários de Saúde em parceria com as Escolas da Rede Municipal e Estadual de ensino vem desenvolvendo importante atividade em saúde Ocular dentro do Programa Saúde na Escola. Está sendo realizada uma triagem nos alunos, bem como educação em saúde. Esta ação faz parte das atividades propostas pelo Projeto Olhar Brasil. Todas as Equipes de Saúde da Família estão realizando esta atividade nas escolas de suas áreas de atuação.

 
Agente de saúde realizando atividades.

* Festa em Prol da Paroquia de São Sebastião em Caraúbas.

* O Zé Dirceu vei Forte...Se livrou de novo...


* Mais um racha por aí: No dia 17 de outubro, PR fará reunião para decidir destino no Governo Rosalba.

O Partido da República, presidido pelo deputado federal João Maia, já tem data para definir o destino no Governo Rosalba Ciarlini. No dia 17 de outubro os representantes dos núcleos regionais da legenda estarão reunidos para discutirem a posição do partido junto ao Executivo estadual.

O PR está dividido sobre que rumo adotar.

* Ministério da Integração, que era do PSB, deverá ficar com o PMDB.

A presidente Dilma Rousseff pretende entregar o Ministério da Integração Nacional ao PMDB, mas é provável que a pasta dos Portos continue sob controle dos irmãos Gomes, desafetos do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).

Um dia após Campos anunciar o desembarque do PSB do governo federal, dando o primeiro passo para sua candidatura ao Planalto, Dilma tentou contornar o mal-estar com o antigo aliado e pediu ao ministro da Integração, Fernando Bezerra (PSB), que fique mais uma semana no cargo. Afilhado de Campos, Bezerra se reuniu ontem com Dilma por meia hora.

Pretendia entregar a carta de demissão, seguindo decisão da Executiva Nacional do PSB, mas Dilma disse a ele que gostaria de conversar sobre o assunto somente depois que voltasse dos Estados Unidos. Ela embarcará no domingo para Nova York, onde participará da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), e deve retornar ao Brasil no dia 27.

* Dorgival Dantas confirmou presença na festa em Prol da Igreja São Sebastião.

O renomado sanfoneiro e compositor Dorgival Dantas confirmou a comissão responsável a sua participação na festa do próximo dia 13 de outubro, onde toda arrecadação com a portaria será destinada para as obras da Igreja Matriz de São Sebastião em Caraúbas/RN.

Com o sim de Dorgival, já estão confirmadas já estão certas as bandas Saia Rodada, Ferro na Boneca. A festa será realizada nas dependências do Olho D'água Park Hotel e contará com toa estrutura da Central Eventos. 

Para o evento, comissão está contando com a ajuda dos empresários Eugênio e Juninho Alves que doaram as bandas Ferro na Boneca e Saia Rodada, além do local da festa, o Olho D'água Park Hotel, além de toda estrutura da Central Eventos, do empresário Rivelino Câmara.
Dorgival confirma participação na grande festa beneficente em Caraúbas/RN.

* Sandra Rosado: “PSB entregará os cargos, mas não sai da base de Dilma”.

A deputada Sandra Rosado, do PSB, informou que o partido liderado nacionalmente pelo governador de Pernambuco, Eduardo Campos, entregou os cargos que tinha no governo Dilma Rousseff, mas continua na sua base aliada, numa prova inequívoca que continua aprovando o projeto político-administrativo da presidenta da República. Sobre uma possível candidatura de Eduardo Campos à presidência da República, Sandra Rosado informa que não existe nada definido e que o presidente nacional do seu partido só definirá sobre esse assunto no próximo ano.

Instada a falar sobre as consequências da decisão da cúpula partidária em entregar os cargos, a deputada Sandra Rosado desconversou, lembrando apenas que mesmo entregando alguns cargos o PSB continua aliado da presidenta Dilma Rousseff e apoiando a administração federal. Ela disse ainda, que aqui no Estado continua o diálogo entre partidos da base de apoio à presidenta da República e de oposição ao Governo do Rio Grande do Norte.

* Ministros do STF resistem a antecipar prisão de réus.

A possibilidade de prisão dos condenados no mensalão que ainda têm direito à revisão de suas penas não deve prosperar no STF (Supremo Tribunal Federal) antes da conclusão do processo. Quatro ministros ouvidos pela Folha de São Paulo disseram que seria um casuísmo separar os crimes pelos quais os réus foram condenados no ano passado, para que comecem a cumprir a parte da pena que não poderá mais ser revista.

Na última quarta-feira, o Supremo decidiu que 12 dos 25 condenados terão o direito de apresentar embargos infringentes, recursos que os réus poderão usar nos casos em que foram condenados com quatro votos a seu favor. O julgamento dos recursos só deve ocorrer no próximo ano. Se tiverem êxito, os condenados poderão reduzir suas penas e até ficar livres de cumpri-las no regime fechado.