terça-feira, 22 de outubro de 2013

* Ademar terá encontro com Nevaldo Rocha.

O prefeito Ademar Ferreira (PMBD) participará nesta quarta-feira (23) de um encontro com o empresário caraubense e dono das empresas Riachuelo e Guararapes, Nevaldo Rocha que será em extremoz na sede da Guararapes do estado.

Na ocasião, o gestor municipal irá entregar um quadro da família do empresário em sua homenagem e também discutir alguns pontos importantes sobre a instalações de facções da Guararapes em nosso município.

* Senador José Agripino: “Aliança com PMDB é tendência natural”

O presidente do DEM, senador José Agripino, disse que a aliança proporcional do DEM com o PMDB para as eleições de 2014 é uma “tendência natural”. Ele também afirmou que, se tiver condições políticas e eleitorais, a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) terá o apoio do DEM para disputar a reeleição ao governo do Estado nas eleições do ano que vem.

As duas declarações de Agripino são conflituosas, se chocam e se inviabilizam, se for levada em consideração as palavras recentes do presidente do PMDB, deputado Henrique Alves, em entrevista reproduzida na edição desta segunda-feira de O Jornal de Hoje.

Nela, Henrique afirma “que um projeto majoritário que quer mudar o que aí está não caberia a participação do partido que está hoje nesse processo constrangedor e de profundas dificuldades para o presente e para o futuro do Rio Grande do Norte”, afirmou, se referindo ao DEM de Rosalba e Agripino, excluindo a legenda governista da aliança de candidatos a governador e a senador do Estado.

Já sobre a aliança proporcional, Henrique disse ser plenamente possível, o que, inclusive, contraria o PT, parceiro federal do PMDB no RN após o rompimento dos peemedebistas com Rosalba. Apear disso, o PMDB mantém as portas de uma coligação proporcional abertas para o DEM.

Neste sentido, Henrique deixa entrevê a possibilidade de o DEM não lançar Rosalba e apoiar o candidato da oposição. “Sem a proposta majoritária, poderá ser que o DEM venha participar, apoiando os candidatos que busquem o voto majoritário e queiram buscar os apoios possíveis e não recuse o voto para chegarmos a uma vitória”, frisou.

Para Agripino, a aliança proporcional – sem Rosalba Ciarlini, portanto, – seria a continuidade de uma realidade já existente politicamente hoje no Estado, que é a aliança entre DEM, PMDB, PR e outros partidos, como o PROS do presidente da Assembleia Ricardo Motta.

“Aliança do DEM com PMDB é prosseguimento de um fato que já existe. Com o PMDB, com o PR, com o partido ao qual o deputado Ricardo Motta se filiou. Essa é uma tendência natural de coligação proporcional. A eleição de governador, nós vamos discutir mais para frente”, avaliou.

* Parabéns Bentivi!

Hoje (22), é o aniversário de uma figura ímpar, trata-se do grande Bentivi.

Apesar de residi a anos na capital federal, Bentivi mantém diálogo diário com o povo das terra das caraubeiras.

Segui os nossos parabéns para o grande Bentivi!

* Rosalba: Eu não acredito que Agripino vá mudar. Ele não tem mais idade para isso.

“Eu conheço o senador [José Agripino] e não é de agora. Nunca vi um gesto de deslealdade dele [...]. Ele é presidente do partido e eu sou a única governadora do DEM. Sempre contei com ele [José Agripino], sempre tivemos uma relação de muita honestidade e quando fui candidata, avisei a ele antes. Eu não acredito que agora ele vá mudar. Ele [José Agripino] não tem mais idade para isso”.

Da governadora Rosalba Ciarlini (DEM) durante entrevista na 96 FM de Natal.

* Caraúbas perdeu Raimundo Calixto.

Caraúbas perdeu na dia de ontem (21), o grande Raimundo Calixto, o mesmo lutava já algum tempo contra uma doença.

Raimundo Calixto era uma das grandes figuras na cultura caraubense.

Segue os votos de pesar à família.

O sepultamento será logo mais às 16h.
Raimundo Calixto.

* Prefeitura de Caraúbas intensifica limpeza visando dia de finados.

A Prefeitura Municipal de Caraúbas/RN, através da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos e da Empresa Pioneira, já iniciou os trabalhos de limpeza e recuperação dos Cemitérios Públicos.

De acordo com o Rigno Begno, Coordenador de Obras, a ação é motivada pela proximidade ao Dia de Finados e será intensificada, tanto no cemitério da cidade quanto nos da zona rural.

No dia 02 de novembro, milhares de pessoas vão aos cemitérios caraubenses visitar os túmulos e covas dos seus entes queridos.

 
Homens trabalhando.

* Aí mata geral: Governo vai anunciar quinta-feira novas datas dos pagamentos do funcionalismo.

O Governo Rosalba deverá convocar a imprensa na quinta-feira para anunciar a nova programação dos pagamentos dos funcionários.

A Governadora externou ontem que com mais uma queda no fundo de participação será impossível cumprir o calendário de pagamento do funcionalismo do estado.

Resumindo, vai vim atrasos na folha de pagamento do Estado.

* Henrique Alves: “O RN piorou muito na gestão de Rosalba Ciarlini”

O presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal Henrique Eduardo Alves, disse na manhã desta segunda-feira, durante entrevista ao “Jornal da Cidade”, da FM 94, que o Rio Grande do Norte piorou durante a gestão da governadora Rosalba Ciarlini (DEM).

“Há três anos o povo quis mudar, é tanto que elegeu a candidatura que veio com a bandeira da oposição, que foi a governadora Rosalba; três anos depois a situação se agravou e está aí a rejeição, os números negativos da sua administração. Ou seja, a situação que não era boa ficou muito pior, na nossa avaliação muito clara”, afirmou o deputado.

Henrique Alves disse que entre as razões do rompimento do PMDB com o governo estadual esteve o fato de que a relação entre o partido e o governo “não estava ampliando os horizontes do Rio Grande do Norte”. “Saímos da base política da governadora, rompemos com seu governo – com todo o respeito a ela do ponto de vista pessoal – mas nos colocamos sempre à disposição para o que ela precisar junto ao governo federal”, afirmou o parlamentar.

* Governo do RN possui dívida de R$ 60 milhões com a saúde básica.

Segundo o Ministério Público, desde 2010 o governo do estado não tem feito o repasse legal para os municípios referentes aos programas de “Atenção Básica à Saúde” e da “Farmácia Básica”, somando uma dívida de mais de R$ 60 milhões.

Preocupados com essa realidade, o MP e a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) ajuizaram hoje, 21, uma Ação Civil Pública para assegurar a destinação desses recursos para todos os municípios do Estado, excetuando-se Natal e Caicó, onde já existem ações específicas.

A falta desses recursos têm trazido reflexos graves nas condições de saúde dos municípios, conforme demonstrou a FEMURN em reunião com a Secretaria Estadual de Saúde, expondo a situação calamitosa da assistência farmacêutica instalada nas prefeituras do interior.

Para o Programa Farmácia Básica o Governo do Estado deixou de repassar R$ 21.609.862,43 (vinte e um milhões seiscentos e nove mil, oitocentos e sessenta e dois reais e quarenta e três centavos); e para o  Programa Atenção Básica a dívida chega a R$ 38.929.402,41 (trinta e oito milhões novecentos e vinte e nove  mil, quatrocentos e dois reais e quarenta e um centavos).