quarta-feira, 27 de novembro de 2013

* Minha querida mãe que amo tanto...

Foto de Ozenilda M Farias.

* Governo do Estado paga salários de 97% do funcionalismo na próxima sexta-feira, 29.

A Secretaria de Planejamento do Governo do Estado comunica que os salários de 97% do funcionalismo serão pagos nesta sexta-feira, dia 29.

Nesta data, receberão todos os funcionários da Saúde, Educação, Segurança, UERN, Detran e órgãos com receita própria, independente do valor do contra cheque, e todos os outros funcionários de outras secretarias que recebem até R$ 4.000,00 líquidos. Isso corresponde a 97% do total do funcionalismo estadual.Os 3% restantes receberão seus salários no dia 10 de dezembro (terça-feira).

* Comunicado do Galileu cursinho...

Dispondo de uma excelente equipe de professores e um método de aprendizado eficiente e claro, o Galileu Cursinho de Caraúbas comunica que estão abertas as inscrições para o Ciclo de Revisão em preparação para vestibular da UERN – 2014.


As aulas serão iniciadas no dia 02 de Dezembro, a partir das 19h, na Escola Municipal Josué de Oliveira.


Em 2013 alcançamos o percentual de 60% em aprovação nos mais diversos cursos. Conquistas que comprovam a qualidade de ensino aliado ao esforço pessoal de cada um.


Por essa razão convidamos você para mais uma etapa de estudos, na certeza de que seu objetivo será alcançado.


Maiores informações liguem para 9604 9884 ou acessem – www.galileucursinho.com.br

* Henrique destina recursos da Sudene para municípios potiguares no orçamento de 2014

Parlamentares do Rio Grande do Norte voltaram a se reunir nesta quarta-feira (27), em Brasília, para definir a destinação das 18 emendas coletivas da bancada . Dessa vez o encontro foi no gabinete da Presidência da Câmara dos Deputados. O deputado Henrique Eduardo Alves vai apresentar uma emenda coletiva ao Orçamento Geral da União de 2014, no valor de R$ 40 milhões, para compra de equipamentos para coleta e destinação final do lixo urbano pelas prefeituras potiguares. Os recursos serão da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

As emendas definidas pela bancada serão apresentadas ao relator do OGU pelo coordenador da bancada portiguar, João Maia (PR). Cada parlamentar sugeriu uma emenda, no valor de R$ 40 milhões, subscrita pelos demais colegas. Além de Henrique Alves, José Agripino (DEM) e Paulo Wagner (PV) também apresentaram emendas no orçamento da Sudene para a compra de equipamentos e infraestrutura hídrica pelos municípios do Rio Grande do Norte.

Natal foi contemplada com emendas de Paulo Davim (PV), Fátima Bezerra (PT), Garibaldi Alves (PMDB) e Felipe Maia (DEM) nas áreas da saúde, educação e infraestrutura urbana. Fábio Faria (PSD) destinou uma emenda para a barragem de Bujari, em Nova Cruz, e João Maia (PR) para infraestrutura de rodovias. Betinho Rosado (DEM) priorizou equipamentos de saúde e Sandra Rosado (PSB), até o início da tarde desta quarta-feira, ainda não havia definido a sua emenda.

Outras quatro emendas, consensuais, foram aprovadas para a Ufersa, a Uern, a Liga Norte-Riograndense contra o Câncer e para a área de Segurança Pública. A Uern e os recursos para ações na área de Segurança foram propostas pela governadora Rosalba Ciarlini. Os deputados e senadores também decidiram propor o remanejamento de recursos dentro do OGU para três emendas coletivas: UFRN, IFRN e o asfaltamento da BR-104 – essa última sugestão da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn).

* Eita: Delação premiada implica Gilson Moura nos desvios.

Depoentes de seis dos processos da Operação Pecado Capital – suposto esquema de desvio de recursos no   âmbito do Instituto de Pesos e Medidas do RN (Ipem) – envolveram o nome do deputado estadual Gilson Moura (PROS) como beneficiado direto das fraudes. O parlamentar já havia sido mencionado por diversas ocasiões pelo Ministério Público, autor das denúncias. Os depoimentos foram prestados sob juramento ao juiz da 2ª Vara Criminal da Justiça Federal, Walter Nunes, na presença do procurador da República, Rodrigo Telles. Onze dos  acusados optaram pela delação premiada, ou seja, disseram o que sabiam em troca de um possível perdão judicial.

Além de procurar desbaratar as fraudes ocorridas nas licitações do órgão, na concepção aleatória de notas fiscais e na fiscalização de postos de combustíveis, a audiência de ontem desvendou a razão da existência de parte dos funcionários fantasmas da gestão de 2008 a 2010. Para receber o pagamento pelo aluguel de três trios elétricos, durante a campanha de prefeito de 2008 de Gilson Moura – então candidato em Parnamirim – Sebastião Garcia, o proprietário, teve que fornecer o número de cinco contas correntes onde o recursos seriam antecipadamente depositados.
Na sala de audiência da Vara Criminal Federal, esta semana é dedicada aos depoimentos 
Na sala de audiência da Vara Criminal Federal, esta semana é dedicada aos depoimentos

* Nada mal para o mensaleiro: Dirceu vai ganhar R$ 20 mil para trabalhar das 8h às 17h em hotel.

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu foi contratado para trabalhar como gerente administrativo do Hotel Saint Peter, em Brasília. De acordo com o contrato de trabalho assinado pelo ex-ministro, ele deve receber salário de R$ 20 mil. Segundo a assessoria do Supremo Tribunal Federal (STF), caberá ao juiz da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal decidir sobre a autorização de trabalho externo.

Dirceu foi condenado a sete anos e 11 meses de prisão em regime semiaberto na Ação Penal 470, o processo do mensalão. Ele está preso na Penitenciária da Papuda, em Brasília. De acordo com a Lei de Execução Penal, os condenados em regime semiaberto podem trabalhar dentro do presídio, em oficinas de marcenaria e serigrafia, por exemplo, ou externamente, em uma empresa que contrate detentos.

Segundo o contrato de trabalho assinado pelo ex-ministro, ele deverá cumprir horário de trabalho das 8h às 17h e terá uma hora de almoço. Na ficha de solicitação de emprego, Dirceu afirmou que se candidatou ao emprego “por necessidade e por apreciar hotelaria e a área financeira”.
dirceu globo
Vidão em Dirceu!

* Sem fôlego: Ex-senador Fernando Bezerra admite ser candidato a governador.

O empresário e ex-senador Fernando Bezerra admitiu que poderá ser candidato a governador do Estado nas eleições de 2014 durante palestra sobre empreendedorismo realizada na noite desta última segunda-feira no Teatro Riachuelo, no Shopping Midway Mall. A fala de Fernando Bezerra foi centrada em três temas: empreendedorismo, críticas ao governo Rosalba Ciarlini e possibilidade de retornar à política partidária na condição de candidato do PMDB ao Governo do Estado. “Se fosse para decidir hoje, eu diria que não”, respondeu Fernando Bezerra ao ser questionado pelo jornalista Robson Carvalho, promotor do evento.

Deixando, portanto, uma interrogação, já que a eleição só ocorrerá no final do próximo ano, o ex-senador, que foi líder do governo Lula e ministro da Integração Nacional, reafirma ter recebido convite de Garibaldi Filho para disputar o Governo do Rio Grande do Norte e ter pedido tempo para pensar e dar uma resposta no mais tardar até março do próximo ano. Informa-se nos meios políticos que no encontro com os dois líderes peemedebistas, Fernando Bezerra teria externado que poderia aceitar o desafio com alguns condicionantes.

O ex-senador fez ver, por exemplo, a necessidade premente de uma grande reforma na estrutura administrativa do Estado, começando por extinção de secretarias e diminuição de cargos comissionados, o que segundo ele, poderia contrariar interesses, deixando-lhe em dificuldades diante dos correligionários. “Eu só poderia aceitar ser candidato se tivesse liberdade para realizar as reformas que desejo, já que o Estado está falido”, disse Fernando Bezerra a um interlocutor.

* Zerado: Genoino tem boa saúde...

Num laudo entregue ao Supremo Tribunal Federal, cinco médicos especialistas em cardiologia concluíram que o deputado federal licenciado José Genoino (PT-SP) está em boas condições de saúde, não tem cardiopatia grave e, portanto, não é imprescindível a sua permanência em regime de prisão domiciliar para tratamento. Para os cardiologistas, após passar por “intenso estresse emocional”, Genoino apresentou manifestações clínicas “de forte componente psicossomático” como cefaleia, palpitações, tontura, anorexia, diarreia e episódios de constipação. Emitido por médicos indicados pela Universidade de Brasília (UnB), o laudo servirá de base para decisão da Justiça sobre o pedido dos advogados de Genoino para que ele cumpra a pena por participação no mensalão em casa.
Amparado por laudo médico, ministro do Supremo deverá revogar prisão domiciliar de Genoino 
Amparado por laudo médico, ministro do Supremo deverá 
revogar prisão domiciliar de Genoino.
Condenado pelo Supremo a uma pena de seis anos e 11 meses pelos crimes de corrupção ativa e formação de quadrilha, Genoino iniciou a execução da pena em regime semiaberto, mas está em prisão domiciliar desde o fim de semana, quando recebeu alta do Instituto de Cardiologia do Distrito Federal. Na semana passada, ele foi levado para a instituição especializada no tratamento de problemas cardiológicos após ter reclamado de dores e ter dito que havia tossido catarro com sangue. Seus advogados chegaram a dizer que havia suspeita de enfarte.