quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

* Ex-médico da F-1 acredita que Schumacher pode ficar em estado vegetativo.

A falta de notícias oficiais a respeito do estado de saúde de Michael Schumacher é a maior preocupação do Dr. Gary Hartstein, ex-médico da Fórmula 1. Gary acredita que, baseado na reportagem do jornal alemão Bild, a falta de reação de Schumacher aos estímulos externos podem indicar um estado vegetativo.

- Se a resposta motora à estímulos externos é uma reação primitiva, temos más notícias, mas ainda assim deixa esperança à certo nível de recuperação. Números? Bom, esse nível de resposta indicaria a persistência de um estado vegetativo, mas, geralmente, 50% desses pacientes acordam, normalmente com um nível de sequela residual – afirmou o médico.

As informações passadas pelo médico através de seu blog são, como o próprio diz, baseadas na experiência do mesmo em casos do tipo e em relatos jornalísticos. O próprio Gary acredita que o diário alemão Bild possui uma boa fonte dentro do hospital.
O maior de todos os tempos.

* NAESC com os dias contados...

De acordo com informações que nós chegam o NAESC do nosso município está com os dias contados, essa informação lamentável se dar devido a uma determinação do MEC (Ministério da Educação) que não admite mais expansões universitárias em núcleos como o de Caraúbas.

Essas informações tornaram públicas após a audiência pública que aconteceu na tarde de hoje (12), na câmara municipal de nossa cidade.

De acordo com as autoridades ligadas a UERN que se fizeram presentes a audiência, a saída para essa problemática, é a construção de um Campus Avançado, assim como já existe em Patú, por exemplo.

A equipe administrativa da municipalidade ressaltou que irá fazer de tudo para buscar meios para continuarmos com a UERN em nosso município.

É lamentável essa informação, pois sabemos que a construção do Campus dependi da força do Governo do Estado, e nesse sentido cá entre nós o governo do RN já está no necrotério a muito tempo.

O NAESC/Caraúbas é o núcleo mais bem avaliado pela própria instituição UERN, assim sempre recebeu toda por parte da municipalidade local.

A partir de agora é unirmos força e lutarmos pelo CAMPUS/UERN/CARAÚBAS.
Male First World Problems meme

* Gastos: Leonardo Nogueira é primeiro lugar e Nelter o segundo.

Confira os gastos da verba da gabinete dos deputados estaduais referentes ao mês de dezembro
  1.  Leonardo Nogueira: R$ 24.816,46
  2. Nelter Queiroz: R$ 24.200
  3. José Adécio: R$ 24.114,68
  4. Raimundo Fernandes: R$ 24.063,58
  5. Fernando Mineiro: R$ 24.015,58
  6. Walter Alves: R$ 24.012
  7. Gustavo Carvalho: R$ 24.006,86
  8. Gilson Moura: 24.001,36
  9. Ezequiel Ferreira: R$ 23.997,71
  10. Gustavo Fernandes: R$ 23.996,28
  11. Getúlio Rego: R$ 23.964,91
  12. Hermano Morais: R$ 23.921,35
  13. George Soares: R$ 23.899,93
  14. Antonio Jácome: R$ 23.847,71
  15. Gesane Marinho: R$ 22.813,73
  16. Vivaldo Costa: R$ 23.795,73
  17. Larissa Rosado: R$ 23.719,55
  18. Márcia Maia: R$ 23.435,86
  19. Fábio Dantas: R$ 23.210,44
  20. Ricardo Motta: R$ 22.952,37
  21. Tomba Farias: R$ 22.928,62
  22. Kelps Lima: R$ 21.985,30
  23. Agnelo Alves R$ 21.241,2
  24. José Dias: R$ 21.184,71

* Governo vai publicar novo decreto de emergência no RN.

O Governo do RN deve publicar um novo decreto de emergência até a próxima semana, segundo confirmou à TRIBUNA DO NORTE o presidente da Comissão Estadual de Combate à Seca, secretário Tarcísio Bezerra, da Sape. De acordo com ele, mesmo com a previsão da Empresa de Pesquisas Agropecuárias do Rio Grande do Norte (Emparn), de que haja chuvas normais em 2014, essas não seriam suficientes para recuperar, de imediato, o abastecimento normal das cidades e comunidades rurais do interior potiguar.

Essa é a quarta vez que o governo prorroga o estado de emergência. A última ocorreu no dia 19 de setembro passado e tem validade de 180 dias, encerrando-se no dia 19 de março. A nova prorrogação também deve ser pelo mesmo período (seis meses). “Ela está em fase de preparação e logo que estiver pronta, será publicada. Por isso, não posso dar uma data específica, só posso dizer que vai ser na próxima semana”, afirmou Bezerra.

Com o decreto de emergência em vigor, o estado obtém maior celeridade e acesso à ajuda do governo federal. Atualmente, segundo o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, o governo tem trabalhado em algumas frentes, como a distribuição de água através dos programas de carro-pipa da Defesa Civil Estadual e do Exército, a construção e ampliação de adutoras, recuperação de poços, instalação e manutenção de dessalinizadores e distribuição de sementes e ração animal. A renovação do decreto permite, por exemplo, a manutenção dos contratos com os “pipeiros”. No ano passado, as cidades abastecidas através do programa da Defesa Civil passaram cerca de um mês sem abastecimento porque o prazo do decreto já havia acabado e, por isso, os contratos não podiam ser renovados. A entrega de água voltou ao normal 
após a prorrogação do decreto.

* Funcionários da UFRN e Ufersa entram em greve dia 17 de março.

Funcionários técnico-administrativos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e Universidade Federal Rural do Semi-árido (Ufersa) decidiram entrar em greve a partir do dia 17 de março. Dentre as exigências, a categoria busca o cumprimento total do acordo da greve de 2012 .

Após debater na Plenária Nacional Estatutária, realizada em Brasília durante dois dias no último final de semana, os representantes das 39 entidades presentes alegaram como principais motivos para a deflagração da greve a não revogação da criação da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh),que se configurará como uma empresa estatal de sociedade anônima, e terá a função de gerir os bens móveis e imóveis dos Hospitais Universitários Federais.