terça-feira, 2 de setembro de 2014

* Romário tem 40% das intenções de voto para o Senado, diz Ibope.

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) mostra Romário, do PSB , com 40% das intenções de voto para o Senado no Rio de Janeiro. Cesar Maia , do DEM, aparece com 19%, e o candidato do PCB , Eduardo Serra , tem 5%. Carlos Lupi, do PDT , obteve 3% das intenções de voto.

A pesquisa foi contratada pela TV Globo e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº RJ-00026/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo Nº BR-00491/2014.
Ibope divulga nesta terça (2) pesquisa para senadores do Rio (Foto: Editoria de Arte/G1)

* No RJ, Garotinho tem 27%, Pezão, 19%, e Crivella, 17%, diz Ibope.

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (02) mostra Anthony Garotinho (PR) com 27% das intenções de voto na corrida para governador do Estado do Rio. Luiz Fernando Pezão (PMDB), candidato à reeleição, aparece com 19% e o senador Marcelo Crivella, do PRB, com 17%. Lindberg Farias, candidato do PT, tem 11% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 14%, enquanto 8% dos entrevistados não souberam ou não responderam.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

A pesquisa foi contratada pela TV Globo e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº RJ-00026/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo Nº BR-00491/2014.
Anthony Garotinho (PR) – 27%
Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 19%
Marcelo Crivella (PRB) - 17%
Lindberg Farias (PT) – 11%
Tarcísio Motta (PSOL) – 3%
Dayse Oliveira (PSTU) – 1%
Ney Nunes (PCB)  - 0%
Brancos e nulos –  14%
Não sabem ou não responderam -  8%

A pesquisa foi realizada entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro. Foram entrevistados 1.610 eleitores do estado do Rio de Janeiro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

* Serra tem 33%, Suplicy, 28%, e Kassab, 8%, aponta Ibope.

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) aponta que o ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB) tem 33% das intenções de voto para o Senado. Eduardo Suplicy (PT) aparece com 28%.

O ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (PSD) tem 8%. A candidata Ana Luiza (PSTU) tem 2%. Alcançaram 1% dos votos Kaka Wera (PV) e Marlene Campos Machado (PTB).

Alcançaram menos do que 1% os candidatos Edmilson Costa (PCB), Fernando Lucas (PRP), Genildo Moreira (PSB), Senador Flaquer (PRTB) e Juaraci Garcia (PCO).

Os indecisos somam 15% e os que declaram que vão votar branco ou nulo são 10%.

No levantamento anterior, realizado entre os dias 23 e 25 de agosto, Serra tinha 33%, Suplicy, 24%, e Kassab, 7%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo número SP-00021/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo número BR-00492/2014.

Veja os números do Ibope:
José Serra (PSDB) - 33% das intenções de voto
Eduardo Suplicy (PT) - 28%
Gilberto Kassab (PSD) - 8%
Ana Luiza (PSTU) - 2%
Marlene Campos Machado (PTB) - 1%
Kaka Wera (PV) - 1%
Fernando Lucas (PRP) - 0%
Genildo Moreira (PSB) – 0%
Edmilson Costa (PCB) - 0%
Senador Fláquer (PRTB) – 0%
Juraci Garcia (PCO) – 0%
Brancos e nulos - 10%
Não sabe - 15%

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S.Paulo”.

* Alckmin tem 47%, Skaf, 23%, e Padilha, 7%, aponta Ibope.

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) aponta o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), com 47% das intenções de voto na corrida eleitoral deste ano. Com o percentual, ele venceria a disputa pela reeleição no primeiro turno. Em seguida, aparece o presidente licenciado da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf (PMDB), com 23%. O ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha (PT) tem 7%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo número SP-00021/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo número BR-00492/2014.
Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) aponta o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin

* A fragilidade da candidatura de Fátima Bezerra para o Senado.

A candidatura de Fátima Bezerra ao Senado pode enfrentar momentos de dificuldades. No aspecto nacional, a reeleição da presidente Dilma Rousseff já não entra mais na contabilidade oficial diante do crescimento acelerado de Marina Silva. Como Dilma é o maior cabo eleitoral de Fátima, a queda nacional pode ter reflexo local.

FRAGILIDADE II

Outro ponto que pode fragilizar a candidatura de Fátima é seu envolvimento com lideranças do DEM e sua aproximação com a governadora Rosalba Ciarlini. O terceiro aspecto é o acordo subterrâneo que teria sido feito pela candidata do PT com o deputado Henrique Alves, para receber ajuda dos aliados do PMDB no interior.

DOBRADINHA

Fátima tem se comportado desde o início da campanha como se já estivesse na condição de eleita. Praticamente não fala com seus próprios aliados do PT e exibe permanente arrogância no contato com demais lideranças. Perdeu a característica ideológica e a coerência política ao aceitar apoios oficiais de prefeitos do DEM e também ao fazer dobradinha com lideranças que apóiam a candidatura de Henrique Alves.
fatima barra
 Boa parlamentar.
Por Túlio Lemos

* PT do RN pode perder besta e chocalho.

O Partido dos Trabalhadores (PT), que cresceu substancialmente após chegar ao poder, ver sua hegemonia ameaçada, sobretudo no Rio Grande do Norte.

Com a derrota clara da presidenta e com o risco grandioso de perder também com Fátima, dado a apertada corrida eleitoral com a ex governadora Wilma Faria (PSB), O PT/RN ver em Mineiro a esperança mais real de vitória, contudo também não é tão fácil assim.

De mandatário a perder besta e chocalho, é a gangorra da política!
TV Globo /TV Globo
Um risco real!

* Rapidinhas do inoxidável...

Na noite de ontem (01), no Reencontro, um jantar entre Jr. Alves, Novinho e Baldo Oliveira, o parmegiana ficou em segundo plano pois o principal foi política, nossa!

************************

Tudo tranquilo, informações apontam que a relação entre Jr. e Galeno está a mil maravilha, a tempestade passou pois os adesivos chegaram...

************************

Getúlio Rêgo sexta feira em Caraúbas, o mesmo em conjunto com seus apoiadores irão realizar carreata e reunião no Verdes Mares, xiiiiiiii.

************************

Henrique Alves e Wilma Faria estarão em Caraúbas, o dia será 20 ou 21 de setembro, a mobilização contará com passeata e grande comício, segura que eu quero ver!

************************

Eugênio Alves confirma apoios a Getúlio, Zenaide e Henrique e não vota em Wilma, para o planalto provavelmente Marina, recado dado!

************************

Ferreira Jr. se reuniu ontem (01), para traçar suas metas eleitorais, na próxima semana reuniões e caça aos votos, o homem vai convocar seus soldados e a guerra, dos votos, vai começar!

************************
As rapidinhas estão dando o que falar!  

* Pós campanha: Mantega sinaliza novo aumento da gasolina neste ano.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, voltou a sinalizar nesta terça-feira que a gasolina terá um novo aumento ainda em 2014. Ao ser perguntado por jornalistas sobre se os combustíveis terão um reajuste, ele afirmou que isso ocorre todos os anos. E ao ouvir que os preços da gasolina já subiram uma vez em 2014, ele disse:

— Todo ano pode haver um ou dois aumentos de gasolina. Não tem regra fixa.

O possível reajuste seria o primeiro deste ano. O último ocorreu em novembro do ano passado, quando a Petrobras anunciou um aumento de 4% no preço da gasolina e de 8% no de diesel. Na ocasião, a alta foi avaliada como insuficiente para aliviar a pressão sobre o caixa da estatal, que precisa importar combustível para atender o mercado interno.

O ministro também fez questão de afirmar que a economia não está em recessão. Ele criticou as propostas econômica da candidata à Presidência, Marina Silva (PSB).

Segundo Mantega, alguns indicadores do terceiro trimestre, como a produção industrial, já mostram que o Produto Interno Bruto (PIB, soma de bens e serviços produzidos no país) vem reagindo. A atividade econômica teve retração nos dois primeiros trimestres de 2014, o que caracteriza uma recessão técnica.

* Livro sobre Valdetário Carneiro será lançado na Feira do Livro de Mossoró.

A Feira do Livro de Mossoró vai contar com o relançamento do livro “Valdetário Carneiro – a essência da bala” em sua programação.  A obra, escrita pelos jornalistas Rafael Barbosa (G1) e Paulo Nascimento (Novo Jornal), poderá ser adquirida e autografada a partir das 18h da quinta-feira (4), no Espaço do Autor. O livro-reportagem que conta a história do conhecido cangaceiro dos tempos modernos faz parte do catálogo da Editora Tribo.

A publicação tem como linha central a história do caraubense que ficou notabilizado por liderar uma quadrilha especializada em assaltos a banco em toda a região Nordeste, com ações criminosas que entraram para a história do Rio Grande do Norte. O livro vai até as raízes dos conflitos que envolvem a família Benevides Carneiro, desde as primeiras décadas do século passado até a morte de Valdetário, em dezembro de 2003, reconstituindo os fatos através de pesquisa e entrevistas com familiares e relacionados à história do personagem.

Paulo e Rafael_Divulgação_Editora Triboj
Autores.

* Na Paraíba, Cássio tem 47% e Ricardo, 33%, diz Ibope.

Nova pesquisa Ibope sobre o pleito da Paraíba. A pesquisa foi contratada pelas TVs Cabo Branco e Paraíba e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) sob o número 00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 00481/2014.

Veja os números:

Cássio Cunha Lima (PSDB) – 47% das intenções de voto
Ricardo Coutinho (PSB) – 33%
Vital do Rêgo (PMDB) – 4%
Major Fábio (PROS) – 1%
Tárcio Teixeira (PSOL) – não chegou a 1%
Antonio Radical (PSTU) – não chegou a 1%
Brancos e nulos – 8%
Não sabe ou não respondeu – 6%

* Classe médica do RN defende campanha de Wilma de Faria.

A classe médica, através do Sinmed/RN e da Associação Médica do Rio Grande do Norte, que já tem o senador Paulo Davim (PV) como representante, se reuniram na noite desta segunda-feira (01), com a candidata ao Senado da União Pela Mudança, Wilma de Faria, para formalizar engajamento na sua campanha, além de discutir e apresentar prioridades da saúde que são decididas no Congresso Nacional.

“Nós, médicos, vamos nos engajar na sua campanha, Wilma. Você vai ser a senadora de Marina (Silva, a candidata a presidente do Brasil pelo PSB) e as portas serão facilitadas para nossa classe, para a saúde pública do estado e do Brasil”, observou Geraldo Ferreira, presidente da Sinmed/RN.

A ex-governadora agradeceu a abertura da classe sobre a campanha de Marina Silva, destacando sua experiência, com 16 anos no Senado e como ministra, além de enfatizar que, assim como Marina, vai lutar para que a União invista mais na saúde. “Marina e eu vamos defender que a União passe a investir mais na saúde, assim como o PSB, do saudoso Eduardo Campos, estará engajado nessa luta”.
wilma medicos
Novos apoios.

* Ataques entre Dilma e Marina marcam segundo debate.

O segundo debate entre os presidenciáveis na TV consolidou a polarização entre as duas primeiras colocadas na pesquisa eleitoral: Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB). No mesmo dia que o comando de campanha do PSDB sinalizou com apoio a Marina num eventual segundo turno, o senador tucano Aécio Neves evitou o confronto direto com a candidata do PSB e concentrou ataques no governo petista.

Ao contrário das duas, que duelaram diretamente quase todo o tempo, Aécio ficou com papel secundário no embate entre os três mais bem colocados nas pesquisas. Assumidamente nervosa, a ponto de tentar interferir logo no primeiro bloco nas regras do debate, Dilma usou da falta de propostas para o pré-sal no programa de governo do PSB.
debate 2
debate SBT.

* Eita: Ordem do PT é não atacar Rosalba por causa de Fátima.

A ordem parte do comando geral do Partido dos Trabalhadores (PT) no Rio Grande do Norte:

- Nem um “pio” e nenhuma manifestação contra a governadora do Estado Rosalba Ciarlini (DEM) mesmo que ela atrase os salários dos servidores estaduais, reescalonamento do 13º e não atenda as categorias sindicais em suas reivindicações.

Silêncio sepulcral. Motivo: O PT que os votos da Rosa para a candidata ao senado Fátima Bezerra.

Quem diria? O DEM de Rosalba que era escrachado e satanizado pelo PT.

Política é um bicho de sete cabeças.
PT rosa
Vale tudo pelo poder?