domingo, 23 de agosto de 2015

* Após Sérgio Costa, situação caraubense buscará novas adesões.

A situação caraubense não está mesmo para brincadeira, após a adesão vista como surpresa por muitos, do Edil Sérgio Costa (PR), o bloco já busca novas adesões para o projeto político com governismo local para o pleito de 2016.

Nos corredores da política caraubense, as especulações apontam para o retorno de duas importantes lideranças política do cenário local, para o ninho "bacurau", as articulações estão sendo trabalhadas realizadas pelo articulador-comandante, Ferreira Junior.

A intenção é enfraquecer o palanque da oposição, ao ponto de uma desistência da pré candidatura do empresário Juninho Alves (PSD). 

É aguardar o tempo e as rapidinhas, para ter mais detalhes!
Novas adesões!

* Mulher invade casa, é esfaqueada e acaba morta em Caraúbas.

Uma mulher morreu após ser esfaqueada durante discussão na tarde deste domingo (23) na cidade de Caraúbas, a 38 quilômetros de Mossoró.

A principal suspeita é uma adolescente de 17 anos.


De acordo com o sargento PM Nonato, Marcely Kaline Ferreira, de 27 anos, tentou invadir a residência da adolescente e foi ferida com dois golpes de faca peixeira.

O motivo da invasão, segundo a polícia, foi um relacionamento amoroso com um pescador da cidade. Ele é ex-esposo da suspeita e, atualmente, namorava com a vítima.

Marcely estava armada com uma faca de mesa e iria matar a adolescente, mas foi desarmada e ferida no braço e nas costas. Ela caiu desacordada na calçada da residência, e foi socorrida ao Hospital Regional da cidade.

Durante transferência para o Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró, a vítima não resistiu e veio a óbito.

A adolescente foi detida e levada ao delegado Inácio Rodrigues, para prestar esclarecimentos.

O caso deverá ser apurado em inquérito policial conduzido pela Polícia Civil do município.

 Tragédia.
Mossoró Hoje.
Imagem: WhatsApp.

* Professora morre atropelada após fazer prova de concurso em Sousa.

A professora Eunézia Vieira Alves Bezerra, de 50 anos, morreu em um grave acidente registrado por volta das 17:50h na BR 230 em frente à Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), campus de Sousa.

De acordo com informações da polícia militar, a mulher tentou atravessar a pista, mas acabou sendo atropelada por um carro que era conduzido pelo padre Agripino Ferreira da cidade de Cajazeiras.

Em contato com a reportagem do Diário do Sertão, o reverendo disse que seguia para realizar uma missa na cidade de Cajazeiras, quando avistou a mulher tentando cruzar a BR. “Ainda freei o carro, tentei evitar o acidente, mas não consegui”, afirmou.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e corpo de bombeiros estiveram no local realizando atendimento à vítima que foi socorrida mas morreu ao chegar no Hospital Regional de Sousa (HRS). 

Blog: Presenciamos essa fatálidade, lamentamos o ocorrido! 
Uma fatalidade.

* Presos fogem do Pavilhão 5 de Alcaçuz; cinco foram recapturados.

Uma fuga de presos foi registrada na manhã deste domingo (23) no Presídio Rogério Coutinho Madruga, conhecido como Pavilhão 5 de Alcaçuz, em Nísia Floresta. Segundo Vilma Batista, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN (Sindasp-RN), os detentos cavaram um buraco dentro da ala C da unidade. Cinco deles já foram recapturados.

De acordo com a presidente do Sindasp-RN, ainda não há maiores informações sobre como ocorreu a fuga. Os agentes que trabalham no Pavilhão 5 localizaram um buraco do lado de fora do presídio, com a outra entrada dentro da ala C, onde ficam detidos os presos ligados uma das organizações criminosas envolvidas na morte de um detento no último dia 18 de agosto. Segundo a Tribuna do Norte, um sexto detento que deixou o presídio segue foragido. Homens da Polícia Militar realizam buscas na região para recapturar o preso.

* Se Dilma não renunciar, impeachment é inevitável, diz deputado do PMDB.

Em cinco meses, o governo da presidente Dilma Rousseff já enfrentou três grandes manifestações que emparedaram a gestão petista. Sem nenhuma sinalização do arrefecimento da insatisfação popular, com outra marcha nacional agendada para setembro, o Palácio do Planalto continua sem uma agenda que recupere a popularidade da presidente ou tire a economia da recessão. No cenário político, aliados tentam se descolar do governo para não serem tragados para a turbulência. E a Operação Lava Jato chega cada vez mais perto do alto escalão. Esse panorama, na avaliação do deputado Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), antecede uma pressão popular e tornará a gestão de Dilma insustentável.

“Ela deve sair pelo caos que o país está, e foi ela que o levou. O país ainda não chegou ao fundo do poço, mas vai chegar”, afirma o ex-governador de Pernambuco. “Quer queira ou não, o impeachment virá, embora eu ache que seja um processo explosivo e traumático”, diz à Veja. O peemedebista também não poupa os presidentes da Câmara e do Senado, seus correligionários Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Renan Calheiros (PMDB-AL). Para ele, Cunha deve ser afastado imediatamente do posto.
JarbasAlanMarquesFolha
Jarbas Vasconcelos.

* Dama de Espada: Procuradora-geral da Assembleia e assessora são postas em liberdade.

O advogado Flaviano da Gama, que patrocina de defesa da procuradora-geral da Assembleia Legislativa, Rita das Mercês Reinaldo, protocolou ontem (22) pedido de habeas corpus, para que ela possa responder liberdade à acusação de desvios revelados pela operação Dama de Espadas. O desembargador Virgílio Macedo Júnior assinou a liminar de soltura para Rita e sua assessora, Ana Paula Ana Paula Macedo de Moura.