domingo, 3 de janeiro de 2016

* INSS abre inscrição para 950 vagas nesta segunda.

O prazo para inscrição no concurso público do INSS, um dos mais aguardados pelos concurseiros e que oferece 950 oportunidades, com salário de até R$ 7,4 mil, começa nesta segunda-feira, 4. As provas estão marcadas para maio de 2016. Mais de 80% das vagas são para o cargo de técnico do seguro social, que exige nível médio completo e tem salário inicial de R$ 4.886,87.  O cargo de analista do INSS, voltado a candidatos com nível superior em serviço social e registro no conselho de classe, traz 150 postos de trabalho, com salário de R$ 7.496,09.

As inscrições devem ser feitas até 22 de fevereiro pelo site www.cespe.unb.br. A taxa de  inscrição custa R$ 65 para nível médio e R$ 80 para nível superior. A prova está prevista para 15 de maio de 2016. O programa do edital inclui direito administrativo, direito constitucional, informática e raciocínio lógico. A prova para analistas terá ainda legislação previdenciária, legislação da assistência social do trabalhador e da pessoa com deficiência e serviço social. A prova para técnicos terá ainda ética no serviço público e regime jurídico único.
20130329103946_cv_inss_php_gde
Oportunidade.

* Potiguar 01 transporta paciente com problemas cardíacos de Parelhas para Natal.

A equipe do Centro de Integrado de Operações Aéreas (Ceiopaer), por meio da tripulação do helicóptero Potiguar 01, da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), realiza na tarde deste domingo (03), juntamente com a equipe médica do Serviço Móvel de Urgência (SAMU 192/RN) o transporte aeromédico de um paciente de 58 anos, da cidade de Parelhas para Natal.

A ação necessitou do apoio do Potiguar 01 da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) tendo em vista a urgência do caso devido o paciente ser portado da Síndrome Coronariana Aguda, termo utilizado para descrever doenças resultantes da redução do fluxo sanguíneo para o músculo cardíaco, entre elas o infarto agudo do miocárdio em progressão ou a ameaça iminente do infarto (angina instável). O paciente está sendo transferido para o Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL), em Natal.
potiguar_parelhas
Potiguar 1 em ação.

* Prefeita é assassinada horas depois de assumir o cargo.

A prefeita de Temixco (município do estado de Morelos), Gilsela Mota, foi assassinada horas após assumir o cargo, informaram hoje (3) autoridades mexicanas. Gisele Mota, de 33 anos, foi morta a tiros por quatro homens que foram até a casa dela ontem (2) pela manhã.

Os motivos para o crime ainda não estão claros. As autoridades do México acreditam que grupos criminosos ligados ao narcotráfico sejam os responsáveis. Eleita em uma chapa de centro-esquerda, Gisela Mota havia prometido “limpar” a cidade industrial dos problemas com organizações desse tipo.
prefeita
Prefeita que foi assassinada.

* Violência: Filho de assessor do deputado Raimundo Fernandes é baleado durante assalto.

O jovem Lucas Fernandes (19 anos), filho de um assessor do deputado estadual Raimundo Fernandes, foi vítima de um disparo pelas costas, neste sábado (02). Ele permanece internado no UTI do Hospital do Coração, em Natal.

Segundo as informações chegadas à Polícia Militar, Lucas foi interceptado por bandidos e mesmo tendo entregado seu veículo e objetos pessoais, sofreu o disparo desferido por um assaltante na praia de Pirangi.
assalto mao armada
Violência sempre em alta.

* Camisinha de hidrogel promete matar o vírus HIV.

Um novo preservativo produzido com hidrogel (material usado em lentes de contato) pode ajudar na luta contra o temido vírus HIV, o mesmo causador da Aids. Segundo informações do diário britânico Daily Mail, um grupo de cientistas do Texas, estado norte-americano, desenvolveu a revolucionária camisinha que promete ajudar na prevenção.

Funciona da seguinte maneira: caso a camisinha estoure, o que pode acontecer, ele libertará um antioxidante especial à base de plantas que demonstrou ter propriedades anti-HIV, atacando o vírus de forma letal, como relatou Mahua Choudhury, professora que liderou o estudo publicado no Texas A&M Health Science Center Irma Lerma Rangel College of Pharmacy.

“Se formos bem sucedidos, o preservativo vai revolucionar a iniciativa de prevenção do HIV. Não estamos apenas fazendo um novo material de preservativos para prevenir a infecção pelo HIV, mas também temos o objetivo de erradicar esta infecção o mais rápido possível”, comentou ao portal IG.
camisinha
Anti HIV!

* Patu é o município que mais conseguiu diminuir assassinatos no RN.

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), por meio da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine), divulgou nesta quinta-feira (31) o relatório estatístico acerca dos crimes violentos letais intencionais (CVLIs) no Rio Grande do Norte. O relatório apontou uma redução de 115 assassinatos no estado, ao deste ano, quando comparado com 2014, o que representa uma redução de 6,5% de CVLIs no RN.

Em 2015 foram registrados 1.653 crimes violentos, enquanto que, no ano passado, foram 1.768 casos. Com este resultado, o RN supera a meta pactuada com Ministério da Justiça que prevê uma redução de 5% de CVLIs ao ano, nos estados da federação, até 2018, e consegue um feito inédito, desde 2004, quando a violência só crescia no estado.

Conforme relatório, as maiores reduções ocorreram nas regiões Leste e Oeste Potiguar, onde também está incluída as cidades da região Metropolitana. No Leste Potiguar, a queda dos índices foi de 10,7% e no Oeste Potiguar de 12,4%. Do total de registros de assassinatos ocorridos em 2015, Natal computou um total de 502 casos contra 588, em 2014, e Mossoró 162 contra 193, no ano passado.

Quanto as cidades que tiveram o melhor resultado, quanto a redução de CVLIs, estão Patú (-77,8%), Umarizal (-70,6%), Goianinha (-69,2%), Areia Branca (56,5%), Pendências (-50%), São José de Mipibú (-45,1%), Serra do Mel (-40%), Assú (-29,6%), Mossoró (-16,1%), Natal (-14,6%), Ipanguaçu (-11,1%), Macaíba (-6,9%), Ceará Mirim (-3,5%) e Parnamirim (-1,5%).

“Em 2015, conseguimos retirar o RN do ranking das cidades mais violentas do Nordeste. Em anos anteriores chegamos a ocupar a 5ª colocação. Os dados atuais demonstram que a gestão está no caminho certo e esse desempenho dedico aos bravos profissionais da Segurança Pública que, apesar de alguns desafios ainda existentes, se mantém dedicamos e comprometidos com à sociedade!”, disse a secretária da Sesed, Kalina Leite.
Criminalidade.

* Crise nas telefonias: Para frear WhatsApp, operadoras clamaram por regulamentação conservadora.

O ano de 2015 ficará na história também nas telecomunicações. Como se não bastasse o presidente de uma das maiores operadoras do Brasil – Amos Genish, da Vivo – ter chamado o WhatsApp de pirataria e o então ministro das Comunicações Ricardo Berzoini defender a regulamentação do Netflix, dezembro foi marcado pelo bloqueio ao WhatsApp. A pedido da Justiça de São Paulo, e sem muito pestanejar – exceto pela Oi –, as operadoras bloquearam o acesso de seus usúarios ao mais popular aplicativo de troca de mensagens por 12 horas. A determinação tinha como objetivo punir o app por não obedecer à Justiça brasileira.

Foram ações conservadoras, segundo os especialistas, mas que suscitaram um debate que deve fazer de 2016 um ano mais progressista.

Eduardo Levy, presidente do SindiTelebrasil, entidade que representa as operadoras, disse que ninguém é contra os serviços Over-The-Top, as chamadas OTTs, mas que no caso do WhatsApp não há como negar que o aplicativo presta os mesmos serviços que as empresas de telecomunicações e para os mesmos usuários. “Não podemos generalizar e dizer que todos os OTTs concorrem com as operadoras, porém, no caso do WhatsApp, sabemos que tem cara de elefante, pata de elefante, rabo de elefante e ainda assim alguns insistem em dizer que não é um elefante? Não é por aí”, exemplifica.

Quando a polêmica toda com o WhatsApp se intensificou, em agosto, com a notícia da Reuters de que as operadoras preparavam uma petição contra o app junto à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), analistas disseram ao iG que tal pedido não tinha fundamento. Na época, Eduardo Tude, presidente da consultoria Teleco, argumentou que qualquer programa que faça transmissão de voz via endereço IP (VoIP), ou seja, pela internet, já é enquadrado como Serviço de Valor Adicionado (SVA) na Lei Geral das Telecomunicações (LGT), de 1997. Logo, não pode ser classificado como um serviço tal qual são aqueles prestados pela telefonia. Porém, ao que parece, o que as operadoras queriam qual a tal petição era só chamar atenção. E conseguiram.

Para Pedro Ramos, advogado e pesquisador associado do Internet Lab, vale lembrar que “à época em que a LGT foi criada, não havia, pelo menos de forma tão intensa, a preocupação de que os serviços de valor adicionado viriam a representar uma concorrência ao modelo de negócio empreendido pelas provedores de serviços de telecomunicações”. Segundo ele, embora tenha se intensificado neste ano, esse movimento não foi exclusivo de 2015: “é gradual e atingiu seu ápice em um momento em que se discute muito a regulamentação do setor”, disse ao iG.
Comprado pelo Facebook, WhatsApp é um dos aplicativos de troca de mensagens mais populares do mundo e do Brasil
Só dar o zap zap!

* Dilma veta reajuste do Bolsa Família.

Do Estadão Conteúdo:

A presidente Dilma Rousseff sancionou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016 com um total de 58 vetos. Entre os pontos rejeitados está o que estabelecia o reajuste de todos os benefícios do Programa Bolsa Família de acordo com a inflação dos últimos 20 meses. A lei foi assinada no último dia do ano pela presidente e publicada ontem em edição extra do Diário Oficial da União.

Principal bandeira social da gestão petista, o programa teria benefícios reajustados em pelo menos 16,6% caso o dispositivo não tivesse sido vetado pela presidente. A taxa corresponde ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre maio de 2014 – quando foi feita a última correção do Bolsa Família – e novembro de 2015, último dado do IBGE.

Hoje, o benefício básico é de R$ 77, podendo chegar a R$ 336 por família conforme o número de crianças e gestantes que vivem em uma residência.
Publicidade

Nas razões para o veto, o governo afirma que o dispositivo não é compatível com o Orçamento de 2016 já aprovado pelo Congresso. “O reajuste proposto, por não ser compatível com o espaço orçamentário, implicaria necessariamente o desligamento de beneficiários do Bolsa Família”, diz a justificativa.

Para o líder do governo na Comissão Mista do Orçamento, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), para ser viabilizado, o reajuste deveria estar previsto no Orçamento. “O governo fez o esforço necessário, vários setores queriam retirar R$ 10 bilhões do Bolsa Família e o governo impediu”, disse.
Não posso mexer nesse povo!!!

* Violência: Mulher morre na frente da filha durante assalto em Natal.

Terminou de forma trágica um assalto ocorrido na noite desse sábado, em Natal. Um trio de ladrões abordou três pessoas no interior de um veículo, na rua Padre Champagnat, bairro de Lagoa Nova, Zona Sul da capital. A proprietária do veículo, uma mulher de 43 anos de idade, acabou baleada durante a ação criminosa e morreu no local. 

Câmeras de segurança de uma padaria registraram todo o ocorrido. Após entregar o carro aos bandidos, a mulher retorna ao veículo para retirar a filha e o namorado que estavam no banco de trás. No momento em que ela abre a porta do carro, um dos assaltantes dispara um tiro que acerta a vítima e cai no solo.

Em seguida, o trio foge com o veículo roubado. De acordo com a Polícia Militar, o carro foi localizado no bairro Cidade da Esperança, na Zona Oeste. Os autores do latrocínio não foram capturados até o início da madrugada deste domingo.
Câmera de segurança registrou momento em que mulher volta para retirar filha do carro tomado por assaltantes
Momento trágico.

* Abom: Homens se sentem mais atraídos pelas “mulheres más”, diz estudo.

Esqueça aquela história de que os homens se sentem mais atraídos por mulheres comportadas e boazinhas, enquanto elas preferem caras que quebram as regras. Segundo um estudo feito pela Universidade de Queensland, na Austrália, ambos os sexos procuram parceiros que apresentam um comportamento que foge do óbvio, que vai na contramão dos padrões estabelecidos pela sociedade

Os pesquisadores comprovaram essa tese após submeterem homens e mulheres, heterossexuais ou bissexuais, à uma análise de perfis em sites de namoro online. Os participantes deveriam descrever como seria um parceiro ideal a partir fotos de pessoas que acabaram de conhecer. No fim, os resultados mostraram que tanto homens, quanto mulheres preferiram parceiros “não-conformistas”, cujas roupas, opiniões ou decisões de vida vão na contra mão do senso comum.

E não para por aí. O estudo ainda mostrou que pessoas consideradas “rebeldes” têm mais sucesso, tanto no curto, quanto no longo prazo, em seus relacionamentos. Para os pesquisadores, quebrar as regras é um indicador de status e poder, isso explica essa atração pelos “fora da lei”.
anjos
Mulher más!

* Virou moda: Preso foge pela porta da frente de presídio.

Um detento do presídio do Roger em João Pessoa fugiu na tarde desse sábado, 02, pela porta da frente. De acordo com o gerente do Sistema Penitenciário, o preso, Carlos Alberto Barbosa de Brito, conhecido como “Chacal”, estava trabalhando na limpeza quando teria aproveitado o descuido de um agente penitenciário.

O funcionário teria aberto o portão principal para uma visitante entrar, quando o detento consegui sair. “Chacal” teria corrido por alguns metros e já estava sendo esperado por um homem de moto. Os dois fugiram imediatamente.

A Polícia Civil, que investiga o caso, afirma que o agente não teria facilitado a fuga e sim sido negligente. O presídio instaurou um inquérito e o agente foi afastado da função. Ele pode responder por facilitação de fuga sem a intenção de ajudar o detento.
chacal
Tio é mala.