sábado, 22 de outubro de 2016

* Homens armados explodem caixa eletrônico de Fórum em Natal.

Quatro homens armados explodiram o caixa eletrônico do Fórum Varella Barca, na Zona Norte de Natal, na madrugada deste sábado (22). De acordo com informações da assessoria do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), o explosivo não foi suficiente para abrir as máquinas e o dinheiro não foi roubado.

Os criminosos chegaram ao prédio localizado no bairro Potengi e renderam os dois vigilantes que estavam no local. Eles quebraram uma porta de vidro que dá acesso ao pátio onde fica o caixa eletrônico e explodiram a máquina. Após a ação, os criminosos fugiram. Ninguém foi preso.
Caixa ficou destruído, mas dinheiro não foi roubado (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)
Mais um.

* Henrique Alves acha natural inquérito transferido para o RN.

O ex-presidente da Câmara Federal Henrique Alves (PMDB) emitiu nota dando sua posição sobre decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de transferir para Justiça Federal do RN, um inquérito aberto contra o deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o empresário José Aldemário Pinheiro, o Léo Pinheiro, da OAS, além do próprio ex-parlamentar.

Veja abaixo:

* Escutas ilegais no Senado.

Os equipamentos da “Polícia Legislativa” do Senado, apreendidos pela Polícia Federal nesta sexta-feira (21), têm condições de captar a existência de interceptações telefônicas e principalmente de implantá-las. Agora a investigação vai determinar se o “setor de inteligência” da “Polícia” do Senado realizou escutas telefônicas ilegais, interceptando inclusive ligações entre integrantes da força-tarefa da Operação Lava Jato.

Os investigadores se impressionaram, mas não se surpreenderam, com a quantidade e a qualidade dos equipamentos de escuta telefônica apreendidos no Senado. É que há muito a PF suspeita de interceptações telefônicas ilegais, confirmadas pelo vazamento de informações sigilosas sobre a Lava Jato e outras investigações.
(Continuar lendo…)
equipamentos
Escutas.

* Em Natal, travesti é morta a facada e companheiro preso em flagrante.

G1 RN – Uma travesti foi assassinada a facadas na noite desta sexta-feira (21) no bairro Nazaré, Zona Oeste de Natal. O companheiro da vítima, suspeito do crime, foi preso em flagrante pela Polícia Militar. Márcio Marques Evangelista, conhecido como Julia Sofia, de 20 anos, morreu dentro de casa.

O criminoso usou uma faca de cozinha para atingir Julia. O suspeito preso pela PM já tem passagem na polícia. Ele foi apreendido quando adolescente por causa de um assalto.

O jovem é usuário de drogas e, segundo a família Julia Sofia, as brigas do casal eram geralmente por causa de dinheiro para alimentar o vício. A mãe e a irmã de da travesti foram à delegacia e não quiseram falar com a imprensa. Elas pediram justiça para que o suspeito fique preso.
travesti
Vitima.

* Cunha a Geddel: “Vou ser preso, façam alguma coisa”

Assim que soube, pela filha Danielle Dytz, que a Polícia Federal batia à sua porta, no Rio de Janeiro, o ex-deputado Eduardo Cunha entrou em desespero e telefonou para o Palácio do Planalto. Como Michel Temer estava retornando do Japão, a ligação foi atendida pelo ministro Geddel Vieira Lima, articulador político do Palácio do Planalto.

– Geddel, eu vou ser preso! Vocês precisam fazer alguma coisa!

O ministro ouviu calado, mas estava ao lado de Eliseu Padilha, chefe da Casa Civil, que, nas horas seguintes entrou em contato com advogados de Cunha para saber se ele precisaria de alguma coisa. Este relato está em reportagem de Robson Bonin, na revista Veja, e revela não apenas a intimidade entre Cunha e a cúpula do PMDB, como também o potencial destrutivo de uma eventual delação do novo homem-bomba da República.
veja
Nossa.

* Servidores do Estado protestam contra o Governo Robinson por atraso salarial.

O dia é de paralisação entre os servidores públicos do Estado do Rio Grande do Norte. Desde cedo, que um grupo está em mobilização na Praça Cívica em protesto contra o Governo Robinson, devido ao atraso salarial que vem ocorrendo no Rio Grande do Norte.

O grupo pede ainda um pacto entre o Poder Judiciário e o Executivo para se estabelecer uma data de pagamento a todos os servidores do Estado.

Devido ao dia de greve, as delegacias estão fechadas em todo o Rio Grande do Norte, com exceção dos plantões. O ITEP também paralisou os serviços em sua totalidade.
z
Servidores.

* MPRN entra com mandado de segurança contra Robinson Faria por atraso no duodécimo.

O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte – MPRN ajuizou, ontem (21), Mandado de Segurança contra ato omissivo do Governador do Estado do Rio Grande do Norte, em função da ausência de repasse do valor mensal correspondente ao duodécimo a que o Órgão tem direito para o custeio de seus serviços e da remuneração de seus membros, servidores e colaboradores.

O objetivo da medida é garantir a defesa da autonomia da Instituição que, assim como o Poder Judiciário, o Poder Legislativo, o Tribunal de Contas e a Defensoria Pública, deve receber do Poder Executivo, até o dia 20 de cada mês, o repasse financeiro necessário para adimplir com suas obrigações e manter a continuidade de seus serviços.

O MPRN informa que, em que pese contribuir com os esforços de economia decorrentes da frustração de receitas do Estado, o que já ocasionou a redução considerável do valor mensal que tem recebido mês a mês, ainda sim o Poder Executivo não tem cumprido o dever de repasse do montante do duodécimo dentro do prazo constitucional, prejudicando seriamente o planejamento e o funcionamento da Instituição.

Esclarece também que, em função da atual crise econômica, tem efetivado medidas sérias de contenção de despesas, notadamente de pessoal, tendo cortado 10% do seu quadro de promotores e procuradores de justiça, executado um plano de incentivo à aposentadoria de seus membros e parado de repor cargos de servidores vagos, medidas que reduziram significativamente o custo de sua folha de pessoal.
Situação só se complica.

* Fátima Bezerra: “A situação dos servidores do Estado é insustentável”

A convite do Fórum dos Servidores Públicos do Poder Executivo, a senadora Fátima Bezerra participou nesta sexta-feira (21), de reunião, na Assembleia Legislativa (ALRN), quando os sindicatos entregaram ao presidente da ALRN, deputado estadual Ezequiel Ferreira, ofício conjunto em que sugerem adequações ao orçamento do estado de 2017.

Na oportunidade, Fátima Bezerra afirmou que situação dos servidores é “insustentável”‏.
Senadora.