sábado, 8 de abril de 2017

* Seis detentos são mortos em presídio de Manaus; segurança é reforçada.

Seis detentos da UPP (Unidade Prisional de Puraquequara), em Manaus, foram encontrados mortos nesta sexta (7). As circunstâncias das mortes ainda serão apuradas. Segundo a Seap (Secretaria de Estado de Administração Penitenciária), não houve motim ou rebelião na unidade.

As vítimas foram identificadas como Janderson Araújo da Silva –conhecido como Boca Rica–, Leonardo Almeida de Souza, Marcos Henrique Neves de Lima, Felipe Gonçalves Marques, Tiago de Araújo, Felipe Xavier Oliveira.

Ainda de acordo coma Seap, os outros detentos não apresentaram oposição às forças policiais, reivindicações e nem danos ao patrimônio público. Após as mortes, a Polícia Militar foi acionada para reforçar a segurança no presídio. Policiais civis também foram para o local parar interrogar os detentos.

A UPP registrou em 2 de janeiro a morte de outros quatro detentos. Os crimes aconteceram após o início de uma rebelião que durou 17 horas em outro presídio, o Compaj (Complexo Penitenciário Anísio Jobim), que terminou com a morte de 56 presos na unidade.
Insegurança reinante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário