quinta-feira, 25 de maio de 2017

* Decreto de Temer compromete estabilidade, diz conselho.

O Conselho Nacional dos Direitos Humanos divulgou nota, nesta quarta-feira (24), em que repudia o decreto do presidente golpista Michel Temer que autoriza o emprego das Forças Armadas no Distrito Federal.

Depois da Polícia Militar romper o acordo de paz com os organizadores do “Ocupa Brasília”, ato que reuniu mais de 200 mil pessoas contra Temer, por Diretas Já e em defesa dos direitos, o Exército agora atuará na capital federal com a justificativa de “garantir a lei e a ordem”.
IMG_3857
Situação complicada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário