quarta-feira, 21 de junho de 2017

* Como candidato Garibaldi Alves está abalado fisicamente, psicologicamente, moralmente e financeiramente.

Quem conversa com o senador Garibaldi Alves fica com a impressão que ele não reúne condições de ser candidato a reeleição.

Além da debilidade física numa enfermidade que é revelada na tremedeira de seus braços e mãos, o senador está abalado psicologicamente com a prisão do seu primo Henrique Alves. Garibaldi está morrendo de medo que as tramoias de Henrique atinjam ele e seu filho deputado Walter Alves.

Como investigado da ‘Lista de Fachin’ e citado na delação de Sérgio Machado, o senador Garibaldi também está atingido moralmente, o senador deixou de ser o ‘santinho’ da política potiguar.

No campo financeiro, Garibaldi Alves sempre foi beneficiário das tratativas que Henrique Alves fazia para arranjar dinheiro e financiar suas eleições.. Agora com Henrique preso e ele investigado fica muito difícil para Garibaldi gastar a dinheirama que sempre teve em suas eleições.

Seus mais próximos assessores estão sendo investigados, inclusive já foram alvos de mandados de busca e apreensões pela Polícia Federal.

Um empresário que sempre ajudou financeiramente Garibaldi disse que não vai ajudar a ano que vem para não arranjar encrenca com a Justiça.
Resultado de imagem para Garibaldi Alves
Situação deliciada.
Blog do Primo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário