quinta-feira, 8 de junho de 2017

* E Caraúbas? Ministério Público instaura inquérito para apurar dispensas de licitações no Governo Amazan Silva.

O Ministério Público está instaurando um inquérito civil para apurar possíveis atos de improbidade administrativa, contra Amazan, consistentes em fracionamento ilegal de despesas para contratação por dispensa de licitação, contratação irregular por dispensa de licitação emergencial, direcionamento para contratação de empresas especificas, também por dispensa de licitação, e ocultação das referidas dispensas.

A ação é assinada pelo promotor Gláucio Pinto Garcia.

O prefeito tem abusado das dispensas e essa questão chamou atenção do MPRN.

E Caraúbas?

Nossa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário