terça-feira, 25 de julho de 2017

* Álvaro Dias: “Violência no RN chega a momento de horror.

O vice-prefeito de Natal, Álvaro Dias(PMDB) afirmou nesta segunda-feira à noite que o Rio Grande do Norte vive “um momento de horror causado pela violência e pela falta de ação do Governo do Estado.” O vice-prefeito foi entrevistado no programa Repórter 98 pelos jornalistas Felinto Rodrigues e Jean Valério e abordou números que apontam 1.363 assassinatos desde o início do ano no Estando, sendo 32 no último final de semana. “É preciso uma política de guerra no combate à criminalidade. O Governo faz mal até o feijão com arroz e deveria dar prioridade à segurança pública investindo em armamento pesado e mais policiais”, criticou.

Ao ser questionado pelos jornalistas se há solução para o caos da insegurança, Álvaro Dias declarou que não há atitude firme por parte do Governo do Estado, segundo ele, cometendo “pecado mortal”contra a população. “Jamais vimos uma situação igual. Todos os cidadãos estão com medo”.

Abordado por um ouvinte de Caicó, que agredeceu seu esforço pela construção da adutora de engate rápido que hoje garante abastecimento de água no município, Álvaro Dias disse que o esforço foi necessário e está permitindo dignidade à população. “Não fosse a adutora, o abastecimento estaria sendo feito por carro-pipa, o que seria uma catástrofe, uma calamidade”.

Álvaro Dias elogio a gestão do prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT), sobretudo pelo desempenho na saúde, citando obras como o Hospital Municipal.  Ao  ser abordado sobre eleições de 2018, reafirmou que o momento é de priorizar a gestão embora reconheça que a candidatura de Carlos Eduardo a governador é forte. “É uma realidade Carlos Eduardo disputar o Governo”.
larissa rosado
Vice prefeito nas ondas do rádio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário