quarta-feira, 12 de julho de 2017

* No RN: Tornozeleira eletrônica, constrangimento para Dison.

Após cumprimento de mandado de prisão, o deputado estadual Dison Lisboa, condenado a cinco anos e oito meses e que cumpre pena no regime semiaberto, está de volta às atividades na Assembleia Legislativa. Nesta quarta-feira (12), ele falou pela primeira vez sobre trabalhar na casa legislativa usando uma tornozeleira eletrônica. “Há um constrangimento, é natural, não vou negar. Mas estou tranquilo e confiando na Justiça”, disse o parlamentar, em entrevista à Inter TV Cabugi.

A condenação do deputado Dison é por apropriação de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio, quando era prefeito de Goianinha. Ele chegou a ser preso no dia 1º de julho, ficando detido no quartel do Comando Geral da Polícia Militar para cumprimento da sentença, mas recebeu tornozeleira eletrônica e deixou a unidade no dia 4.

Essa é a primeira vez na história que um preso condenado no regime semiaberto e usando tornozeleira eletrônica exerce mandato na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. “Não posso dizer que é um momento fácil, mas estou muito tranquilo, com a consciência tranquila e acreditando na Justiça”, comentou.
torno
Situação constrangedora. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário